Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Presos por suspeita de golpismo vão prestar depoimento no mesmo dia que Bolsonaro

    Ao todo, 14 pessoas foram intimadas a prestar esclarecimentos na quinta-feira (22)

    Depoimentos vão ocorrer simultaneamente a partir das 14h30 desta quinta-feira (22)
    Depoimentos vão ocorrer simultaneamente a partir das 14h30 desta quinta-feira (22) Divulgação/Polícia Federal (PF)

    Jussara SoaresElijonas MaiaGabriela Pradoda CNN

    Brasília

    Quatro presos na operação da Polícia Federal que investiga a tentativa de golpe também prestarão depoimento nesta quinta-feira (22).

    Ao todo, 14 pessoas, entre elas o ex-presidente Jair Bolsoaro (PL), foram intimadas a prestar esclarecimentos no inquérito que investiga uma suposta trama contra o Estado Democrático de Direito.

    Os depoimentos vão ocorrer simultaneamente a partir das 14h30 desta quinta-feira (22). O objetivo é evitar que os investigados alinhem versões.

    Os presos na operação da PF no dia 8 de fevereiro são Filipe Martins, ex-assessor de Assuntos Internacionais; o coronel Bernardo Romão Corrêa Netto; o tenente-coronel Rafael Martins Oliveira, e o coronel da reserva e assessor de Bolsonaro, Marcelo Câmara.

    Ao todo, a PF vai ouvir dez militares, incluindo Bolsonaro, que é capitão da reserva do Exército.

    Entre os integrantes das Forças Armadas intimados estão quatro generais: Walter Braga Netto (ex-ministro da Casa Civil e Defesa), Augusto Heleno (Gabinete de Segurança Institucional), Paulo Sérgio Nogueira (ex-ministro da Defesa) e Mário Fernandes (ex-secretário-executivo da Secretaria Geral da Presidência).

    Além disso, o ex-comandante da Marinha, almirante Almir Garnier também prestará depoimento.

    Todos participaram da reunião do dia 5 de julho de 2022 no Palácio do Planalto em que, segundo a PF,foi discutida a “dinâmica golpista.”

    Veja quem são os intimados pela PF:

    • Jair Bolsonaro – ex- presidente da República
    • Walter Braga Netto – General e ex-ministro da Defesa e Casa Civil
    • Augusto Heleno – general e ex-ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional
    • Anderson Torres – ex-ministro da Justiça
    • Almir Garnier – Almirante e ex-comandante da Marinha
    • Paulo Sérgio Nogueira – General e ex-ministro da Defesa
    • Mário Fernandes – general e ex-secretário-executivo da Secretaria Geral da Presidência
    • Cleverson Ney Magalhães – coronel do Exército
    • Tércio Arnaud – Assessor de Jair Bolsonaro
    • Valdemar Costa Neto – presidente do PL

    Presos

    • Marcelo Câmara – coronel e assessor de Jair Bolsonaro
    • Filipe Martins – ex-assessor de Assuntos Internacionais
    • Rafael Martins – tenente-coronel do Exército
    • Bernardo Romão Corrêa – coronel do Exército