Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Eleições 2022

    Primeiro turno teve 20,9% de abstenções e menos de 1% de urnas substituídas

    Percentual de eleitores que não foram votar é similar ao de 2018, segundo o TSE

    Luciana AmaralGabriel Hirabahasida CNN

    em Brasília

    Dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) até às 23h15 mostram que mais de 32,6 milhões de pessoas não compareceram às urnas para votação no 1º turno das eleições gerais deste domingo (2).

    O número, que foi coletado com 99,73% das seções totalizadas, equivale a cerca de 20,94% do total de eleitores aptos a votar. O índice é similar a 2018, quando foi de 20,33% —equivalente a 29.941.171 pessoas.

    Os dados do TSE mostram ainda que haviam sido apurados 117.944.763 votos válidos, cerca de 95,59% dos 123.397.118 votos computados até o horário.

    Os votos nulos representaram 2,82% do total (3.479.206), enquanto os votos em branco representaram 1,59% do total (1.962.547), até às 23h15.

    Em balanço do 1º turno das eleições gerais deste domingo, divulgado por volta das 22h30, o TSE informou que 156.454.011 eleitores estavam aptos a comparecer às urnas neste 1º turno. Foram utilizadas 472.075 urnas de votação, com 63.185 urnas de contingência, acrescentou. As que tiveram de ser substituídas representaram menos de 1% do total, segundo o TSE.

    Ainda de acordo com o tribunal, houve cinco seções com votação manual: Amazonas (2), Bahia (1), Rio Grande do Sul (1) e São Paulo (1).

    O Distrito Federal foi a primeira unidade federativa a concluir 100% da totalização dos votos.

    Segundo o balanço do TSE, as seguintes unidades federativas apresentaram filas para votação após às 17h: Amazonas, Piauí, Alagoas, Rio Grande do Norte, Distrito Federal, Roraima, Amapá, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e São Paulo.

    O tribunal afirmou ainda que o projeto piloto de testes de integridade nos locais de votação, com a participação de eleitores voluntários para a habilitação biométrica da urna a ser auditada, ocorreu com “tranquilidade em todo o país”, com boa adesão.