Vereador em Cuiabá foge da polícia após cometer crime eleitoral

Político foi reeleito para o cargo no último dia 15

Da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

 

Em Cuiabá, um vereador reeleito no último dia 15 é suspeito de cometer boca de urna e transporte irregular de quatro eleitores idosos neste domingo (29). 

No momento em que a polícia chegou no local, após a denúncia, o vereador fugiu. O Tribunal Regional Eleitoral do Mato Grosso (TRE-MT) vai investigar o caso. Segundo o TRE, o suspeito é Marcrean dos Santos (PP), que teria promovido transporte irregular de eleitores. 

Leia e assista também:
Eleições têm 37 prisões e 368 urnas quebradas; e-Título opera sem problemas
Bolsonaro questiona sistema eletrônico e diz que voto impresso é ‘necessidade’
Hacker do TSE em Portugal tentou invasão também quatro dias após eleições

Outras três pessoas também cometeram o crime de boca de urna na capital do Mato Grosso. Em um desses casos, o suspeito foi preso com mais de 180 santinhos dentro do veículo. 

De acordo com o último boletim do TRE, sete urnas tiveram que ser substituídas.

Mais Recentes da CNN