Menos da metade da população adota todas as medidas de prevenção à COVID-19

Com relação a lavar as mãos e limpar superfícies e objetos usando água e sabão ou desinfetante à base de álcool, 82,7% disseram que o fazem com frequência

Da CNN
18 de abril de 2020 às 16:39

82,7% dos entrevistados da pesquisa Vigital COVID-19 disseram lavar as mãos.
Foto: Maddie Meyer/ Getty Images

Manter distância de pessoas com sintomas da COVID-19, isolamento social, higienização regular das mãos e a prática de etiquetas respiratórias são consideradas fundamentais no combate a propagação do novo coronavírus pelos órgãos de saúde. 

Levantamento realizado pelo Ministério da Saúde em parceria com a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) mostra que apenas 36,7% da população com mais de 18 anos segue o conjunto de práticas recomendadas para a prevenção da doença.

Com relação a lavar as mãos e também limpar superfícies e objetos usando água e sabão ou desinfetante à base de álcool, 82,7% disseram que o fazem com frequência. 

O percentual dos entrevistados que realizam o isolamento social foi de 90,9%, sendo a adesão maior nas regiões Sul/Sudeste/Centro-Oeste com 92,7%, 

Os entrevistados também foram questionados sobre práticas complementares. Apenas 66,3% disserem ter incluído em suas rotinas trocar roupas e sapatos ao chegar em casa e não compartilhar objetos de uso pessoal como toalhas, garrafas, talheres, pratos e copos.   

O boletim apresenta os resultados preliminares do primeiro ciclo da pesquisa Vigitel COVID-19 e foi realizado entre os dias 1º e 10 de abril de 2020.