Brasil confirma mais 43 mil casos e 855 mortes por Covid-19

Ao todo, país soma 3.804.605 diagnósticos e 119.504 vítimas fatais da doença causada pelo novo coronavírus

Anna Satie, da CNN, em São Paulo
28 de agosto de 2020 às 19:40 | Atualizado 28 de agosto de 2020 às 20:45

O Ministério da Saúde registrou nesta sexta-feira (28) mais 43.412 casos e 855 mortes pela Covid-19.

Ao todo, o país soma 3.804.605 diagnósticos e 119.504 vítimas fatais da doença causada pelo novo coronavírus.

O boletim não atualizou os números referentes ao Rio de Janeiro, que continuam os mesmos desta quinta-feira (27).

A secretaria de Saúde do estado informou que teve problemas na geração da base de dados e, excepcionalmente, não publicará os números novos nesta sexta. 

No levantamento feito pelo Conass (Conselho Nacional das Secretários de Saúde), o Rio de Janeiro tem mais 7.802 casos e 67 mortes do que consta na página do ministério. 

Leia também:

São Paulo superou pior momento da pandemia de Covid-19, diz Doria

Anvisa aguarda documentos para análise de vacina russa

Teste de detecção da Covid-19 em drive-thru em São Paulo
Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil (4.ago.2020)

A contagem mostra as confirmações feitas desde a tarde do dia anterior, independentemente da data em que os casos tenham ocorrido. Há análises que demoram dias ou semanas para serem concluídas.

São Paulo segue como o estado com a maior incidência do vírus, com 796.209 casos e 29.694 mortes. Em seguida, aparecem Bahia (250.977 casos e 5.243 mortes), Rio de Janeiro (227.000 casos e 15.926 mortes) e Ceará (212.484 casos e 8.376 mortes). 

Dos mais de 24 milhões de casos em todo o mundo, mais da metade se concentra em apenas três países: Estados Unidos (5,9 milhões de diagnósticos positivos), Brasil e Índia (3,3 milhões).