Correspondente Médico: Quais os riscos dos conservantes para a saúde?

McDonald's e Burger King retiram conservantes de lanches

Da CNN
18 de setembro de 2020 às 10:47

Na edição desta sexta-feira (18) do quadro Correspondente Médico, do Novo Dia, o neurocirurgião Fernando Gomes avaliou a importância da decisão de Burger King e McDonald's (que se autoapelidou de 'Méqui') de retirar os conservantes dos lanches. O médico também reforçou a necessidade de uma alimentação saudável.

"Quando a gente faz uma receita com conservantes e com elementos químicos para aumentar a sua durabilidade, você está alterando a sua composição. Quando retiramos isso, há um favorecimento de uma alimentação mais saudável", explicou.

Leia também:
Whopper e Big Mac sem conservantes, mas com sabor? BK e 'Méqui' dizem que sim
McDonald's venderá molho do Big Mac separadamente no Brasil
Burger King abre ghost kitchen em São Paulo, a primeira da rede no mundo

Correspondente Médico: Quais os riscos dos conservantes para a saúde?
Foto: Reprodução/CNN

Ele acrescentou: "A gente sempre tem que pensar em termos de população. Não é um sanduíche que resolveria o problema. Mas, do ponto de vista populacional, menos pessoas estarão recebendo elementos químicos que seriam totalmente desnecessários."

De acordo com o médico, está decisão traz um impacto positivo e abre caminhos para o estímulo de uma alimentação saudável, importante para o desenvolvimento humano e manutenção da vida.

"Com esta medida, você tem uma possibilidade muito grande de ensinar a criança a como lidar com a oferta que o mundo faz para você. Desde a informação e até na forma de como cuidar do nosso corpo. A alimentação é um dos pilares do estilo de vida saudável. No caso das crianças, você precisa de elementos para construir células, para estabelecer sistemas e enriquecer o funcionamento do corpo", finalizou.

(Edição: André Rigue)