Manaus vive uma segunda onda de infecções pelo novo coronavírus?

Capital amazonense voltou a fechar bares e praias; horário de funcionamento de restaurantes e lojas de conveniência foi restringido

Anna Satie, da CNN, em São Paulo
29 de setembro de 2020 às 05:30
O podcast E Tem Mais é publicado de segunda a sexta, sempre no início da manhã
Foto: CNN Brasil

Depois de um surto de Covid-19 que levou o sistema de saúde ao colapso e forçou enterros em valas comuns, Manaus caminhava para a quarta e última fase do plano de flexibilização de atividades não-essenciais. 

No entanto, na semana passada, a capital amazonense voltou a fechar bares e balneários para conter uma alta nas infecções pelo novo coronavírus. De acordo com dados da Fundação de Vigilância em Saúde, houve um aumento de quase 56% nos casos nas últimas semanas de setembro. 

Neste episódio do E Tem Mais, Monalisa Perrone conversa com o médico-chefe do serviço de emergência do Hospital 28 de Agosto, Diemenson Silva, sobre a situação na cidade e se essa alta significa uma nova onda de casos de Covid-19.

Leia e assista também:

'Não temos indicativo de segunda onda no Amazonas', diz governador Wilson Lima

Estudo preliminar aponta que Manaus pode ter atingido imunidade de rebanho

Ouça e assine os podcasts da CNN Brasil gratuitamente:

5 Fatos

Abertura de Mercado

América Decide

Carteira Inteligente

CNN Líderes

Coronavírus: Fato x Ficção

Horário de Brasília

Na Palma da Mari

O Grande Debate

O Mundo Pós-Pandemia

O Que Eu Faço?

Todo o conteúdo da grade digital da CNN Brasil é gratuito.