Ministério da Saúde confirma primeiro caso de reinfecção por Covid-19

Em nota, pasta informou que trata-se de uma profissional da saúde, de 37 anos, que foi infectada novamente pela doença 116 dias depois do primeiro diagnóstico

Pedro Teixeira, da CNN em Brasília 
10 de dezembro de 2020 às 09:19 | Atualizado 10 de dezembro de 2020 às 10:04

 

O Ministério da Saúde confirmou nesta quinta-feira, o primeiro caso de reinfecção pelo novo coronavírus no Brasil. Trata-se é de uma profissional da área da saúde, 37 anos, que reside em Natal, no Rio Grande do Norte.

Ela teve a doença em junho, se curou, e teve resultado positivo novamente em outubro – 116 dias depois do primeiro diagnóstico.

O Ministério informou que recebeu na quarta-feira (9), um relatório do Laboratório de Vírus Respiratórios e do Sarampo da Fiocruz, mostrando os resultados laboratoriais de duas amostras clínicas de um caso suspeito de reinfecção da doença pelo coronavírus.

Assista e leia também:
RN confirma que mulher de 37 anos foi reinfectada pelo novo coronavírus
Qual a possibilidade de ter Covid-19 duas vezes? Infectologista explica
Imunidade contra a Covid-19 pode durar de seis a oito meses, diz estudo

Tubos com material para teste de diagnóstico da Covid-19
Foto: Raquel Portugal/Fiocruz (22.mai.2020)


“Conforme critérios estabelecidos na Nota Técnica Nº 52/2020-CGPNI/DEIDT/SVS/MS, resultados laboratoriais permitem confirmar o primeiro caso de reinfecção no Brasil”, informou o Ministério.

A pasta também alertou que o caso "reforça a necessidade da adoção do uso contínuo de máscaras, higienização constantes das mãos e o uso de álcool em gel".

"O Governo Federal está buscando o mais rápido possível a vacina confiável, segura e aprovada pela [Agência Nacional de Vigilância Sanitária] Anvisa, para que todos os brasileiros que desejarem possam ser imunizados.”