Mundo não terá imunidade de rebanho contra a Covid-19 em 2021, diz OMS 

"Precisamos ser pacientes. Não vamos conseguir proteger as pessoas do planeta inteiro de uma vez”, disse cientista-chefe da OMS

Por Victória Cócolo, da CNN, em São Paulo
12 de janeiro de 2021 às 03:25
Movimentação em ponto de ônibus em Guarulhos (SP)
Movimentação em ponto de ônibus em Guarulhos (SP)
Foto: Willian Moreira/Futura Press/Estadão Conteúdo


O mundo não terá imunidade de rebanho contra o novo coronavírus em 2021, afirmou Soumya Swaminathan, cientista-chefe da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Leia também:
China diz que receberá equipe da OMS nesta semana para investigar a Covid-19


A fala foi feita em entrevista coletiva da organização na tarde de segunda-feira (11). "É importante lembrar as pessoas e os governos de que nós precisamos continuar sendo responsáveis e praticando todas as medidas de proteção". 

Soumya ainda exaltou o progesso que a humanidade fez desde o início da pandemia.

"Há um ano, ninguém acreditava que teríamos mais de uma vacina sendo produzida. É uma comprovação sobre a eficiência dos cientistas do mundo, que trabalharam juntos. Mas produzir bilhões de doses demora. Precisamos ser pacientes. Não vamos conseguir proteger as pessoas do planeta inteiro de uma vez”