Segundo lote de insumos da Coronavac deve chegar ao Brasil até 19 de fevereiro

A entrega de 5,6 mil litros do Insumo Farmacêutico Ativo (IFA) vindos da China fará com que o Butantan tenha a capacidade de produzir 9 milhões de doses

Da CNN, em São Paulo
27 de janeiro de 2021 às 20:34 | Atualizado 27 de janeiro de 2021 às 22:18


O segundo lote de insumos para a produção da Coronavac no Instituto Butantan deve chegar ao Brasil entre os dias 7 e 19 de fevereiro. A informação é do analista da CNN Lourival Sant’Anna.

A entrega de 5,6 mil litros do Insumo Farmacêutico Ativo (IFA) vindos da China fará com que o Butantan tenha capacidade de produzir 9 milhões de doses da vacina.

O pedido foi aprovado no dia 18 de janeiro e seguiu trâmite normal para a liberação de grandes exportações da China, segundo fontes da CNN em Pequim.

Frasco da Coronavac, vacina contra Covid-19
Frasco da Coronavac, vacina contra Covid-19
Foto: Divulgação/GOverno do Estado de São Paulo (17.jan.2021)

(Publicado por Daniel Fernandes)