Brasil registra 1.043 mortes e mais de 44 mil novos casos de Covid-19 em 24 h

No total, 238.532 pessoas morreram vítimas da doença e 9.809.754 foram infectadas pelo novo coronavírus

Sinara Peixoto, da CNN, em São Paulo
13 de fevereiro de 2021 às 19:48 | Atualizado 13 de fevereiro de 2021 às 19:50
Cemitério de Vila Formosa, na zona leste de São Paulo
Cemitério de Vila Formosa, na zona leste de São Paulo, continua com número elevado de sepultamentos em meio à pandemia da Covid-19
Foto: Antonio Molina/Fotoarena/Estadão Conteúdo (18.dez.2020)

O Ministério da Saúde registrou neste sábado (13) 1.043 mortes por Covid-19 e confirmou 44.299 novos casos da doença, segundo informações repassadas pelas Secretarias Estaduais de Saúde, em um período de 24 horas.

No total, 238.532 pessoas morreram vítimas da doença e 9.809.754 foram infectadas pelo novo coronavírus desde o início da pandemia.

Testes da vacina em crianças

A Universidade de Oxford informou neste sábado que lançou um estudo que, pela primeira vez, vai avaliar a segurança e a resposta imune da vacina contra a Covid-19 – que desenvolveu com AstraZeneca – em crianças.

O novo teste intermediário determinará se a vacina é eficaz em pessoas entre 6 e 17 anos. Cerca de 300 voluntários serão inscritos e as primeiras vacinações são esperadas para este mês, disse Oxford.

A vacina Oxford/ AstraZeneca, de duas doses, foi aclamada como uma "vacina para o mundo", porque é mais barata e mais fácil de distribuir do que algumas rivais.

A AstraZeneca tem uma meta de produzir 3 bilhões de doses este ano e mais de 200 milhões de doses por mês até abril. 

(Com informações da Reuters)