'Variante de Manaus já está sendo transmitida localmente em SP', diz médico

Jorge Kalil ressalta que mesmo os imunizados ainda não é possível ter certeza de que estejam protegidos da nova cepa brasileira

Produzido por Juliana Alves, da CNN São Paulo
14 de fevereiro de 2021 às 12:58

Uma pessoa de São Paulo, que não esteve em Manaus, foi infectada pela nova variante de coronavírus do Amazonas.

Segundo o diretor do laboratório de imunologia do InCor, Jorge Kalil, já é possível dizer que a mutação está sendo transmitida localmente. “A gente chama de transmissão autóctone. Ou seja, não é alguém que trouxe o vírus porque foi até Manaus. Isso, sem dúvida, já era esperado”.

Segundo ele, muito provavelmente, as primeiras pessoas infectadas pela nova cepa serão profissionais de saúde ou trabalhadores de hospitais. O médico também avalia que, mesmo entre aqueles que já estão imunizados, ainda não é possível ter certeza de que estejam protegidos da nova cepa brasileira. 

“Mesmo imunizadas ou protegidas, nós não sabemos o quanto a vacinação vai proteger contra essa variante. E nós vamos precisar estudar isso em detalhe. Porque esta variante de Manaus é nossa aqui e nós temos que acompanhar e fazer uma vigilância genômica dos vírus”, diz.

 

(Publicado por Sinara Peixoto)