Painel da Vacina: Brasil é 68º no ranking global e 4º em doses aplicadas

Foram 115.742.885 doses aplicadas no total e 54,66 a cada 100 habitantes, apontam dados levantados pela Agência CNN

Julyanne Jucá e Vital Neto, da CNN, em São Paulo
13 de julho de 2021 às 11:19 | Atualizado 13 de julho de 2021 às 11:32
Profissional de Saúde segura uma dose da vacina da Janssen
Chegada das vacinas da Janssen em Santa Catarina
Foto: Ricardo Wolffenbüttel/Governo do Estado de Santa Catarina

O Brasil permanece em 68º no ranking global da vacinação contra a Covid-19 a cada 100 mil habitantes nesta terça-feira (13), posição também alcançada na segunda-feira, segundo levantamento feito pela Agência CNN.

O país iniciou a campanha de vacinação em janeiro de 2021 e já esteve no 56º lugar anteriormente. Até esta terça-feira, haviam sido aplicadas 115.742.885 doses de vacinas em todo o país, um total de 54,66 doses aplicadas a cada 100 habitantes. 

No comparativo entre os países membros do G20, o Brasil permaneceu em 11º desde ontem. O Reino Unido continua a encabeçar a lista, com 119,02 vacinados a cada 100 habitantes, e é seguido pelo Canadá (113,97), Estados Unidos (100,05), Alemanha (98,41) e China (96,67). Da América Latina, a Argentina aparece em 10º lugar, com 55,01 doses por 100 pessoas.

Em números absolutos, a China desponta à frente no grupo do G20, com 1.391.432.000 doses aplicadas na população. Índia (381.467.646 doses) e Estados Unidos (334.600.770) aparecem na sequência, sendo seguidos pelo Brasil em 4º lugar, com 115.742.885 vacinas aplicadas.

Dados da vacinação no Brasil atualizados pela Agência CNN
Foto: CNN Brasil

A Alemanha aparece em 5º, com 82,5 doses, e o Reino Unido está na 6ª posição, com 80,7 milhões de doses aplicadas em números absolutos. A última posição é da África do Sul, que aplicou 4.390.891 doses. O país também é a base do ranking a cada 100 habitantes.

Os dados foram compilados pela Agência CNN com informações das secretarias estaduais de Saúde e do site Our World in Data, ligado à Universidade de Oxford, no Reino Unido.