Brasil tem 1.424 mortes por Covid-19 em 24 h; total passa de 545 mil óbitos

54.517 novos casos de Covid-19 foram registrados nesta quarta-feira (21)

Anna Gabriela Costa, da CNN, em São Paulo
21 de julho de 2021 às 17:59 | Atualizado 21 de julho de 2021 às 20:00
Leitos de UTI para Covid-19 em hospitais do interior de SP (18.dez.2020)
Leitos de UTI para Covid-19 em hospitais do interior de SP (18.dez.2020)
Foto: Reprodução/CNN

O país registrou, nesta quarta-feira (21), 1.424 mortes e 54.517 novos casos de Covid-19, segundo dados apresentados pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) referentes às últimas 24 horas. 

Desde o início da pandemia o país já soma 545.604 mortes e 19.473.954 de infectados pelo novo coronavírus, números que tornam o Brasil a segunda nação no mundo com mais mortes, e a terceira com mais casos de contaminações.

De acordo com a Universidade Johns Hopkins, os Estados Unidos lideram em número de mortes e também em contaminações. Já a Índia, ocupa a segunda posição na lista de países com mais infectados pela doença.

Em âmbito nacional, sete estados brasileiros já ultrapassaram a marca de 1 milhão de mortes causadas pela Covid-19: São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Paraná, Bahia, Santa Catarina e mais recentemente o Rio de Janeiro, este com 1.001.670 contaminações.

SP tem 288 cidades sem mortes por Covid-19 na última semana

O vice-governador de São Paulo, Rodrigo Garcia, anunciou nesta quarta-feira (21) que dos 645 municípios do estado, 288 não registraram mortes por Covid-19 na última semana. O dado representa 44% das cidades de todo o estado – novas mortes não ocorreram entre os dias 14 e 21 de julho. 

O balanço reflete o impacto positivo da campanha de vacinação para redução dos casos graves e mortes pela doença. Além disso, 18 municípios também não tiveram novos casos confirmados no mesmo período.

Isso é reflexo do avanço da vacinação no estado, tendo em vista que somos o primeiro estado com mais da metade da população imunizada com pelo menos a 1° dose", disse Garcia.

Entre os anúncios desta quarta, o governo informou que o estado tem a menor média de internação por Covid-19 do ano – número de casos também apresenta queda.