Botucatu (SP) tem queda de 86,7% de internações após vacinação em massa

Cidade faz parte de um estudo sobre a eficácia da vacina contra a Covid-19 da AstraZeneca, produzida no Brasil pela Fiocruz

Lucas Rocha e Letícia Brito Silva, da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

A cidade de Botucatu, no interior de São Paulo, apresentou queda de 86,7% nas internações em leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e enfermarias, devido a complicações pela Covid-19, pouco mais de dois meses depois de iniciar a vacinação em massa da população contra o novo coronavírus.

Vacinação contra o coronavírus em Botucatu, interior de São Paulo
Vacinação contra o coronavírus em Botucatu, interior de São Paulo
Foto: Vitor Orsola/Uai Foto/Estadão Conteúdo

 

A vacinação em massa da população entre 18 e 60 anos teve o Dia D realizado em 16 de maio deste ano. Mais de 65 mil moradores da cidade foram vacinados somente em um dia, superando a expectativa de que 60 mil pessoas recebessem a primeira dose.

Internações por Covid-19 em Botucatu (SP)
Foto: Arte/CNN

Desde então, a cidade registrou o pico de hospitalizações no dia 02 de junho, com 113 pessoas internadas. Segundo dados da prefeitura de Botucatu, 15 pessoas permanecem internadas, 7 em UTIs e 8 em enfermarias, nesta segunda-feira (2). O município registrou 17.185 casos e 285 óbitos de Covid-19 desde o início da pandemia.

O município faz parte de estudo realizado com apoio do Ministério da Saúde sobre a eficácia da vacina da AstraZeneca, produzida no Brasil pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

Mais Recentes da CNN