Brasil registra 468 mortes por Covid-19 em 24h; média móvel apresenta queda

Ao todo, de acordo com o Conass, o território brasileiro ultrapassa a marca de 597 mil vítimas da doença

Atendimento médico a paciente internado com Covid-19
Atendimento médico a paciente internado com Covid-19 Breno Esaki/Agência Saúde DF

Andrezza Pugliesida CNN

São Paulo

Ouvir notícia

O Brasil registrou 468 mortes e 13.466 novos casos de Covid-19, segundo dados publicados pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass). O balanço foi divulgado às 18 horas deste sábado (02). Os números são referentes às últimas 24 horas.

Já a média móvel de óbitos ficou em 503, apresentando redução em comparação com a última sexta-feira, computando 513 vítimas.

Ao todo, o território brasileiro acumula 597.723 óbitos pela doença e 21.459.117 infectados.

São Paulo, Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Bahia e Santa Catarina são os estados mais afetados pela pandemia. Todos ultrapassam a marca de 1 milhão de contaminados.

Mutirão de vacinação contra a Covid-19

O estado de São Paulo realiza um mutirão de vacinação contra a Covid-19. Chamado de “Dia V”, tem como objetivo completar o esquema vacinal da população atrasada e garantir a proteção contra a doença causada pelo novo coronavírus.

Para a mobilização, mais de cinco mil pontos de vacinação permanecem abertos das 7h às 19h para a aplicação exclusivamente destas doses neste sábado. A iniciativa conta com a participação dos 645 municípios paulistas.

Brasileiros vacinados na Argentina

Argentina liberou a entrada de viajantes do Brasil e outros países vizinhos pela fronteira aérea. São exigidos alguns protocolos para evitar a disseminação da Covid-19 no país.

A autorização é para residentes e nacionais de países que fazem fronteira com a Argentina ou que tenham estado nesses países nos últimos 14 dias. É exigido o esquema de vacinação completo contra o coronavírus.

Mais Recentes da CNN