Correspondente Médico: Botucatu quer vacinar 105 mil pessoas em um único dia

No quadro Correspondente Médico, dr. Fernando Gomes explicou estudo com imunizante de Oxford em cidade do interior de São Paulo

Raphael Florêncio, da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

Na edição desta segunda-feira (10) do quadro Correspondente Médico, do Novo Dia, o neurocirurgião Fernando Gomes explicou as vantagens de vacinar uma cidade inteira contra a Covid-19 em apenas um dia. A proposta é que isso ocorra em Botucatu, no interior de São Paulo, em experiência semelhante à ocorrida em Serrana, também no interior, que imunizou toda a população com a Coronavac.

Mas o imunizante a ser testado em Botucatu será o de Oxford/AstraZeneca. Em acordo com a Justiça Eleitoral, o município quer vacinar 105 mil pessoas em um só dia, usando a mesma logística de dias de eleição, com cidadãos separados por seções de vacinação.

“São 105 mil pessoas elegíveis, teremos 8 meses de observação e a ideia é mapear cepas e definir a efetividade da vacina [contra a Covid-19]. É um desafio de logística recrutar todo mundo ao mesmo tempo, simultaneamente, e representa um sonho de consumo [para o restante do país]”, afirma Gomes.

“Tudo o que acontecer de evento depois, pode se considerar como uma amostra do estudo. E é muito próximo do que acontece no mundo real, ou seja, é um estudo desenhado com pessoas em que de fato são seguidas e fazem parte de universo diferente”, completou o médico.

Profissional da Saúde prepara dose de vacina da AstraZeneca contra Covid-19
Profissional da Saúde prepara dose de vacina da AstraZeneca contra Covid-19
Foto: Yves Herman – 15.mar.2021/Reuters

Mais Recentes da CNN