Diretor da OMS: Lockdowns na Europa são evitáveis e fechar escolas não é eficaz

Chefe do escritório europeu da Organização Mundial da Saúde, Hans Kluge disse que medidas severas não serão necessárias se 95% da população usar máscaras

Michael Shields, Stephanie Nebehay e Ludwig Burger, da Reuters

Ouvir notícia


 

Novos bloqueios na Europa são evitáveis, inclusive por meio do uso quase universal de máscaras, disse o diretor-chefe do escritório da Organização Mundial da Saúde (OMS) na Europa, Hans Kluge, nesta quinta-feira (19).

“Os lockdowns são evitáveis, mantenho minha posição de que os bloqueios são uma medida de último recurso. Se o uso da máscara atingir 95%, os bloqueios não serão necessários”, afirmou Kluge durante entrevista coletiva.

Leia também:
Mundo bate recorde de mortes diárias por Covid-19 desde o início da pandemia
Primeiro lote da vacina Coronavac chega ao Brasil
Bolsonaro posta sobre Covid-19: Procure um médico e inicie o tratamento precoce

“As escolas primárias devem ser mantidas abertas”, disse ele, acrescentando que crianças e adolescentes não estão provocando a disseminação do novo coronavírus conhecido como SARS-CoV-2 e o fechamento de escolas “não é eficaz”.

Mundo enfrenta recorde de casos

Um levantamento feito pela Universidade Johns Hopkins mostra que o mundo voltou a bater recorde diário de mortes por Covid-19. Foram 11.099 óbitos registrados na terça-feira (17), o maior número diário de vítimas registrado desde o início da pandemia.

Para tentar conter o avanço da Covid-19, muitos países da Europa voltaram a adotar lockdowns e medidas mais restritivas de funcionamento dos estabelecimentos.

Mais Recentes da CNN