Especialistas alertam para possível terceira onda da Covid-19 no Brasil 

Caso ocorram possíveis atrasos na vacinação, país pode voltar a ter quatro mil óbitos diários

Da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

As estimativas da Universidade de Washington apontam que o Brasil está em uma tendência de aumento de óbitos pela Covid-19. Segundos informações da analista de Economia da CNN Raquel Landim, especialistas alertam que ainda é possível evitar esse cenário com o distanciamento social e o uso de máscaras. 

Após o país atingir 4.180 mortes diárias no dia 11 de abril, ápice da segunda onda, ocorreu um recuo importante da doença. Porém, a estabilidade parou em um patamar muito alto, acima de duas mil mortes por dia.

Com o aumento da circulação de pessoas, os números voltaram a subir e as estimativas apontam para três mil mortes no início de junho. A partir daí, a curva voltaria a cair por causa do avanço da vacinação. 

Terceira onda de Covid-19
Estimativas apontam para uma média de três mil mortes diárias no início de junho
Foto: CNN Brasil

 

No entanto, com possíveis atrasos importantes na imunização ou a disseminação de uma nova variante, o número pode subir mais, podendo ser mais uma vez na casa de quatro mil óbitos por dia.

Vacinação contra o coronavírus em Botucatu, interior de São Paulo
Vacinação contra o coronavírus em Botucatu, interior de São Paulo
Foto: Vitor Orsola/Uai Foto/Estadão Conteúdo

Publicado por Guilherme Venaglia

Mais Recentes da CNN