EUA vão recomendar que pessoas vacinadas voltem a usar máscaras em certas áreas

O Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos deve atualizar suas diretrizes nesta terça-feira (27)

Foto: Getty Images (Luis Alvarez)

John Harwood, Kevin Liptak, Kaitlan Collins, Jeremy Diamond e Kate Sullivan, da CNN

Ouvir notícia

O Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), dos Estados Unidos, deve atualizar suas diretrizes nesta terça-feira (27), recomendando pessoas vacinadas em certas áreas do país a retomar o uso de máscaras por causa da Covid-19.

Pessoas em áreas com transmissão alta ou substancial de Covid-19 devem voltar a usar máscaras, recomendará o CDC, de acordo com fontes familiarizadas com o anúncio. Quase dois terços dos condados dos Estados Unidos têm transmissão alta ou substancial do vírus, de acordo com dados do próprio órgão: 46% têm alta transmissão e 17% têm transmissão substancial.

Espera-se que a diretora do CDC, Rochelle Walensky, anuncie a decisão às 16h desta terça. A CNN informou anteriormente que autoridades se reuniram na noite de domingo (25) para examinar os novos dados e evidências sobre a transmissibilidade da variante e os casos de descoberta, de acordo com uma pessoa familiarizada com a reunião.

Dois meses atrás, quando o CDC atualizou a orientação da máscara dizendo que a maioria dos que estão totalmente vacinados poderia ficar sem máscara em ambientes fechados, a orientação mudou tão rapidamente que os funcionários do governo foram informados menos de um dia antes. Desta vez, o processo está se movendo de uma forma mais metódica.

Funcionários da Casa Branca disseram repetidamente que caberia ao CDC mudar a orientação oficial e que seguiriam o exemplo de especialistas em saúde e médicos. As discussões do governo sobre a revisão das recomendações de máscaras giram em torno de quais mensagens sobre o uso que a Casa Branca deve oferecer e quais orientações o CDC deve emitir, disseram fontes familiarizadas com o assunto à CNN.

O infectologista Anthony Fauci, conselheiro médico chefe da Covid-19 do presidente e diretor do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas, disse no domingo que a revisão da orientação de máscaras para americanos vacinados estava sob “consideração ativa” e que ele fazia parte da discussão. Fauci também disse que os Estados Unidos estão “indo na direção errada”, já que o número de casos de Covid-19 continua a aumentar, principalmente entre americanos não vacinados.

O presidente Joe Biden disse na semana passada que duas dezenas de membros de sua equipe de resposta da Covid-19 estavam examinando o aumento de casos e hospitalizações entre os não vacinados e determinando se novas recomendações de máscara eram necessárias.

Funcionários em vários lugares, incluindo Los Angeles, foram forçados a retornar aos requisitos anteriores de máscaras por causa do aumento de casos de Covid-19 e hospitalizações entre americanos que se recusaram a ser vacinados.

A Casa Branca anunciou esta semana que estava mantendo as restrições de viagem do coronavírus existentes em meio ao aumento de casos desencadeados pela variante Delta.

O governo Biden estendeu recentemente as restrições de viagens não essenciais para as fronteiras norte e sul dos EUA até 21 de agosto. Os EUA têm limitado as viagens não essenciais ao longo de ambas as fronteiras desde o início da pandemia e estendendo essas restrições mensalmente.

Texto traduzido, leia o original em inglês.

Mais Recentes da CNN