Falta de atividade física pode aumentar o risco de desenvolver demência

Um estudo realizado em 168 países revelou que pessoas que não fazem exercícios regularmente têm mais chances de desenvolver determinadas doenças

Falta de atividade física regular pode aumentar em até 8,1% as chances de desenvolver demência
Falta de atividade física regular pode aumentar em até 8,1% as chances de desenvolver demência Foto: Shutterstock

Megan Marples, CNN

Ouvir notícia

Não se exercitar o suficiente pode aumentar o risco de desenvolver certas doenças em até 8,1%, segundo um novo estudo publicado nesta segunda-feira (29) no periódico britânico Journal of Sports Medicine.

Pouca ou nenhuma atividade física aumenta o risco de doenças como depressão e demência, de acordo com a análise dos dados da pesquisa feita em 168 países.

De acordo com o relatório, a inatividade física é definida como “não fazer pelo menos 150 minutos de intensidade moderada, ou 75 minutos de atividade física de intensidade vigorosa por semana ou qualquer combinação equivalente dos dois”.

Os pesquisadores descobriram que as pessoas que não fazem exercícios suficientes podem aumentar em 8,1% a chance de desenvolver demência e em 1,6% a chance de hipertensão.

O estudo também observou os níveis de renda de cada município consultado (classificado como baixo, médio ou alto) e constatou que, à medida que a renda aumenta, também aumenta a inatividade física.

Isso pode ser atribuído ao aumento das comodidades às quais as pessoas têm acesso, disse o autor do estudo, Peter Katzmarzyk, professor e diretor executivo associado de ciências populacionais e de saúde pública do Pennington Biomedical Research Center, da Universidade do Estado da Louisiana, em Baton Rouge, nos Estados Unidos.

Pessoas correndo
Atividade física é importante em todas as idades
Foto: Shutterstock

“O acesso aos veículos aumenta, o transporte ativo diminui e o acesso e o uso de dispositivos aumentam”, disse Katzmarzyk.

As pessoas estão mais propensas a usar veículos para se transportarem, em vez de caminhar ou andar de bicicleta, disse Fiona Bull, chefe da unidade de atividade física da Organização Mundial de Saúde (OMS), que não participou do estudo.

Os governos precisam investir em infraestrutura, segundo ela, como áreas para caminhadas e ciclismo, bem como espaços públicos abertos para que as pessoas possam desfrutar de estar ao ar livre.

Maneiras de aumentar o nível de atividade física

É importante se manter ativo para que o corpo funcione na capacidade ideal, disse Dana Santas, à CNN. Ela comparou longos períodos de inatividade física a um carro parado durante meses e que, depois de certo tempo, se torna mais difícil de dar partida.

“Assim como um carro, seu corpo precisa de manutenção, o que inclui acelerar regularmente o motor”, disse Santas, que é treinadora de mobilidade para esportes profissionais e autora de livros voltados à prática esportiva.

Para aumentar seu nível de atividade física, Santas recomendou estar fisicamente ativo por 10 a 15 minutos por dia para começar.

Algumas pessoas acham que precisam se exercitar por uma hora, mas apenas 11 minutos por dia já pode aumentar sua expectativa de vida, diz a treinadora.

Em meio à pandemia de Covid-19, pessoas fazem exercícios usando máscara no Rio
Pessoas praticam exercícios usando máscara na orla do Rio de Janeiro
Foto: Pilar Olivares – 17.mai.2020/Reuters

Ela também recomendou exercícios simples com peso corporal, como agachamentos, caminhadas e flexões – todos os quais podem ser feitos sem pisar na academia.

Também é uma boa ideia tentar se manter ativo durante todo o dia, disse Stephanie Mansour à CNN. Ela sugere colocar despertadores no celular a cada hora, ou três vezes ao dia para começar, como um lembrete para se levantar e se alongar.

Enquanto escova os dentes ou espera a água ferver no fogão, Mansour disse que podemos facilmente fazer alguns exercícios, como dez agachamentos. Uma rotina de alongamento pela manhã e à noite também pode ajudar as pessoas a aumentar o nível de atividade, disse.

“Ser ativo e fazer atividades como se levantar, alongar, caminhar, se fortalecer e usar nossos músculos, e fazer com que nosso coração bata por meio de exercícios cardiovasculares, tudo isso ajuda o nosso corpo a funcionar da maneira ideal”, disse Mansour.

(Esse texto é uma tradução. Para ler a versão original, em inglês, clique aqui.)

Mais Recentes da CNN