Governo autoriza prática de atividades físicas individuais nas praias do Rio

Decisão foi publicada em edição extra do Diário Oficial e libera esportes como o surfe

Movimentação na orla da praia de Copacabana, no Rio de Janeiro (RJ)
Movimentação na orla da praia de Copacabana, no Rio de Janeiro (RJ) Foto: Bruno Martins/Futura Press/Estadão Conteúdo

Iuri Corsini, da CNN, no Rio de Janeiro

Ouvir notícia

Em edição extra do Diário Oficial publicada nesta quinta-feira (25) pelo governo do Rio de Janeiro, ficou permitida a prática de atividade física individual nas praias do Rio. Sendo assim, esportes como natação e o surfe, por exemplo, estão liberados durante o “mega recesso” entre os dias 26 de março e 4 de abril.

Foi uma mudança em relação ao decreto publicado no dia 24 (também em edição extra), quando não era mencionado sobre práticas esportivas realizadas na praia, mas apenas proibia a permanência nas areias, bem como o banho de mar – que segue impedido.

Essa permanência na praia, porém, continua proibida, assim como atividades econômicas nas areias além de esportes coletivos – como a famosa altinha, por exemplo.

“Fica suspensa a permanência de indivíduos nas praias em todo o Estado, inclusive atividades econômicas nas areias e esportes coletivos, sendo permitida tão somente a prática de atividade física individual”, diz o decreto.

Além de esportes individuais de praia, estão permitidas as atividades ao ar livre como caminhadas, montanhismo, ciclismo, e também atividades esportivas de alto rendimento, sem público, “respeitando os devidos protocolos e autorizados pela Secretaria de Estado de Saúde do Rio (SES-RJ)”.

Em relação à liberação de atividade física individual, a prefeitura do Rio informou à CNN que manterá as mesmas medidas decretadas pelo governo e, portanto, tais esportes estão liberados na capital fluminense.

Mais Recentes da CNN