Mais de 46 mil enfermeiros foram infectados pela Covid-19 no Brasil

Mais de 500 profissionais morreram pela doença

da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

Mais de 46 mil enfermeiros do Brasil já foram infectados pelo novo coronavírus. O dado é do observatório do Conselho Federal de Enfermagem (Cofen).

Segundo o Cofen, pelo menos 508 profissionais da área morreram em decorrência da doença. O estado de São Paulo lidera o ranking do número de casos e de mortes, seguido pelo Rio de Janeiro.

Nesta terça-feira (12), o governo de São Paulo anunciou que a eficácia global da Coronavac é de 50,38%.

O imunizante é produzido pela farmacêutica da China Sinovac, em parceria com o Instituto Butantan, em São Paulo. O número mínimo para aprovação da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) é de 50%. 

Na última quinta-feira (7) foi divulgado que a vacina atingiu índice de eficácia de 100% para casos graves e moderados e de 78% para os infectados que apresentaram casos leves ou precisaram de atendimento ambulatorial.

No entanto, esse número era um recorte segmentado por casos e não é igual ao da eficácia global do imunizante, ou seja, a capacidade da vacina de proteger em todos os casos, sejam leves, graves ou moderados. 

Outros países divulgaram taxas de eficácia diferentes para a mesma vacina. Na segunda (11), a Indonésia anunciou uma eficácia de 65,3%. No final de dezembro, a Turquia disse que essa taxa do imunizante era  de 92,25%. 

(Publicado por Sinara Peixoto)

 

Mais Recentes da CNN