Ministério da Saúde vai desobrigar uso de máscaras em repartições públicas federais

Ministro Marcelo Queiroga confirmou à CNN Brasil que medida nesse sentido será publicada nesta semana

Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga
Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga Foto: Fabio Rodrigues-Pozzebom/Agência Brasil

Gustavo Uribeda CNN

Brasília

Ouvir notícia

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, disse à CNN que a pasta editará nesta semana uma portaria que retira a obrigatoriedade de máscaras em repartições públicas do governo federal.

Hoje, a não obrigatoriedade de máscaras de proteção em ambientes fechados é adotada por cidades como São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Maceió e Florianópolis.

“Vamos editar uma portaria nesse sentido”, disse o ministro.

O Brasil registrou na segunda-feira (29) 285 mortes e 30.056 casos de Covid-19, segundo dados divulgados pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass).

Hoje a média móvel de casos está 28.540 — menor número desde 7 de janeiro (23.243), antes do surto de infecções provocadas pela variante Ômicron.

Os índices consideram a média de infecções e mortes registradas nos últimos sete dias. Os dados permitem o acompanhamento dos indicadores da pandemia sem eventuais distorções causadas por possível subnotificação aos finais de semana.

Ao todo, o país registrou 659.241 mortes e 29.882.391 casos de Covid-19 desde o início da pandemia, em março de 2020.

Mais Recentes da CNN