Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Postos de testagem funcionam aos domingos no Rio diante da alta de casos de Covid

    Segundo o painel Rio Covid-19, da prefeitura, taxa de positividade nos testes saltou de 1%, na semana entre 12 e 18 de dezembro para 43% na semana encerrada dia 8 de janeiro

    Pauline Almeidada CNN

    No Rio de Janeiro

    Ouvir notícia

    O aumento dos casos de Covid-19 faz as secretarias estadual e municipal de Saúde do Rio de Janeiro manterem centros de testagem abertos inclusive aos domingos, na capital fluminense.

    Sete unidades montadas pela prefeitura funcionam hoje, de 8h às 17h. Outras seis do governo ofertam os exames das 8h às 18h.

    Segundo o painel Rio Covid-19, mantido pela prefeitura, a taxa de positividade nos testes de Covid-19 saltou de 1%, na semana epidemiológica entre 12 e 18 de dezembro, para 43% na semana encerrada nesse sábado (8).

    A alta é creditada à disseminação da variante Ômicron, que, segundo o secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz, já representa mais de 98% dos pacientes infectados pelo coronavírus na cidade. A cepa passou a predominar na cidade em apenas 17 dias, enquanto a Delta levou cerca de 45.

    Além do serviço ofertado nas clínicas da família e centros municipais de saúde, a Prefeitura abriu nove postos de testagem e pretende chegar a dez até o fim da próxima semana, ampliando a capacidade diária de exames de 6 mil para 10 mil.

    A Secretaria de Estado da Saúde (SES-RJ) passou a verificar um aumento repentino dos infectados pelo coronavírus especialmente a partir do dia 28 de dezembro de 2021.

    Para monitorar o novo avanço da doença, seis postos para exames foram abertos na cidade do Rio, na última sexta-feira, junto a Unidades de Pronto Atendimento, e outros dois vão ser inaugurados nesta segunda-feira (10), um deles no complexo do Maracanã.

    O governo também vai abrir um em Nova Iguaçu, chegando a nove no total, com capacidade diária na rede estadual de 2 mil exames por dia.

    “Com o aumento de casos de Covid-19 em função da circulação da variante Ômicron, vimos a necessidade de realizar a testagem também em pessoas com sintomas leves, que muitas vezes não procuram atendimento médico. A ideia é diagnosticar essa pessoa para que ela possa fazer o isolamento social”, afirmou o secretário de Estado de Saúde, Alexandre Chieppe.

    Neste domingo, a SES-RJ ainda lança o agendamento online para os testes, por meio do endereço https://www.saude.rj.gov.br/. As vagas estarão abertas sempre para os três dias seguintes.

    Devem procurar os centros as pessoas com sintomas como febre, calafrio, tosse, coriza, dor de garganta, dor de cabeça e alteração no olfato ou paladar. Também aquelas que tiveram contato com alguém que tenha testado positivo para a doença há quatro ou cinco dias. Já quem apresentar febre acima de 37,5ºC e dificuldades respiratórias deve se dirigir diretamente para uma UPA ou emergência hospitalar.

    A prefeitura diminuiu o período recomendado de isolamento para cinco dias, no caso de assintomáticos, e sete dias para pessoas com sintomas. Já a Secretaria de Estado da Saúde orienta sete dias de quarentena, a partir do primeiro dia sem sinais da doença.

    Com o avanço rápido da variante Ômicron, as autoridades de saúde também reforçam a importância do uso da máscara, da lavagem das mãos, uso de álcool em gel e o cuidado com aglomerações.

    Postos de vacinação também são ampliados

    A prefeitura do Rio está abrindo novos postos de vacinação da cidade e faz um apelo para que as pessoas tomem a dose de reforço. O serviço voltou a ser ofertado no Theatro Municipal e no Planetário da Gávea. Para a próxima semana, a prefeitura também prevê reabrir o imunização na Cidades da Artes.

    Atualmente, mais de 33% da população carioca com 18 anos ou mais tomou a terceira dose. Já 800 mil pessoas estão aptas para o reforço e ainda não compareceram aos postos.

    “Todos os cariocas que completaram quatro meses devem procurar uma unidade de saúde para fazer a dose de reforço. O intervalo entre a segunda dose e a dose única e a dose de reforço é importante ser respeitado. As pessoas não devem adiar essa vacinação”, pede o secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz.

    Unidades da prefeitura abertas neste domingo

    • Clube do Servidor (Cidade Nova)
    • Parque Olímpico (Barra da Tijuca)
    • Ciep Nação Rubro Negra (Leblon)
    • Vila Olímpica (Complexo do Alemão)
    • Vila Olímpica (Honório Gurgel)
    • Policlínica Rodolpho Rocco (Del Castilho)
    • Unidade Ambulatorial Almir Dulton (Campo Grande)

    Unidades do governo abertas neste domingo (centros anexos a UPAs)

    • UPA Bangu
    • UPA Campo Grande II
    • UPA Jacarepaguá
    • UPA Tijuca
    • UPA Penha
    • UPA Marechal Hermes

    Mais Recentes da CNN