Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Rio de Janeiro retoma vacinação contra a Covid-19 nesta quinta-feira

    Apenas 4,01% da população carioca foi vacinada até o momento; vacinação estava paralisada por falta de doses da vacina

    Profissional de saúde aplica vacina em idoso no Rio de Janeiro
    Profissional de saúde aplica vacina em idoso no Rio de Janeiro Foto: Daniel Resende/Enquadrar/Estadão Conteúdo

    Stéfano Salles, da CNN, no Rio

     

    O Rio de Janeiro vai retomar a vacinação contra a Covid-19 para idosos a partir de 82 anos nesta quinta-feira (25). No dia seguinte, será a vez daqueles que têm 81 anos e, no sábado, os de 80. As datas seguintes serão anunciadas quando o município receber novas doses de vacina. O anúncio foi feito pela Secretaria Municipal de Saúde. 

    No início da madrugada desta quarta-feira, a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) terminou a análise e a embalagem dos dois milhões prontas de doses recebidas do Instituto Serum, da Índia, parceiro da farmacêutica britânica AstraZeneca. A carga já está sob responsabilidade do Ministério da Saúde. 

    Há uma expectativa de que 180 mil dessas doses permaneçam no Rio de Janeiro, e metade delas seja destinada à capital. O secretário estadual de Saúde, Carlos Alberto Chaves, explica que, caso o estado receba a carga nesta quarta-feira, parte dela será entregue no mesmo dia. “Já faríamos a entrega terrestre para Rio, Niterói, São Gonçalo e Maricá”, garante. 

     

    O restante ficaria na Coordenação Geral de Armazenagem da Secretaria de Estado de Saúde (CGA/SES), no Barreto, em Niterói, Região Metropolitana do Rio, e partiria para os demais municípios no dia seguinte, por via aérea, como nas distribuições anteriores. 

    De acordo com o Vacinômetro do município, 270.862 pessoas receberam a primeira dose da imunização, o equivalente a 4.01% do população. No estado, ao todo, esse número sobe para 430.751 pessoas.  A cidade tem até o momento 205.764 casos confirmados do novo coronavírus e 18.543 mortes pela doença, de acordo com o Painel Rio Covid-19.