RJ: 7 cidades interrompem aplicação da 2ª dose da Coronavac por falta de vacinas

Problemas ocorrem em Duque de Caxias, Nova Iguaçu, Mesquita, Mangaratiba, Maricá, Barra Mansa e Arraial do Cabo

Camila Portes, da CNN no Rio de Janeiro

Ouvir notícia

Pelo menos sete cidades do Rio de Janeiro interromperam a aplicação da segunda dose da Coronavac. O motivo é a falta de estoque, uma vez que os imunizantes feitos no Instituto Butantan acabaram e ainda não há previsão de reposição.

Segundo levantamento realizado pela CNN, os municípios de Duque de Caxias, Nova Iguaçu, Mesquita, Mangaratiba, Maricá, Barra Mansa e Arraial do Cabo só estão aplicando a segunda dose da vacina da AstraZeneca/Oxford, produzida pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). A aplicação da Coronavac está interrompida.

Há também a previsão de que outros municípios tenham que interromper a vacinação da segunda dose da Coronavac nos próximos dias, como Volta Redonda, no Sul fluminense.

A Secretaria de Estado de Saúde do Rio afirmou, em nota, que já foi comunicada extraoficialmente pelos municípios e que aguarda as informações do Ministério da Saúde (MS) quanto à distribuição de uma nova remessa de segunda dose de Coronavac ao estado. 

Posto de vacinação no Palácio Duque de Caxias
Posto de vacinação no Palácio Duque de Caxias
Foto: Isabelle Saleme/CNN Brasil

Mais Recentes da CNN