SP tem maior número de novas internações por Covid-19 desde agosto

Hospitalizações voltaram a crescer na segunda quinzena de dezembro de 2021 e seguem em alta neste mês

Dados do estado de SP, atualizados nesta quinta, mostram que a taxa de ocupação de leitos de UTI no estado está em 28,9%, enquanto a de enfermaria está em 27,7%
Dados do estado de SP, atualizados nesta quinta, mostram que a taxa de ocupação de leitos de UTI no estado está em 28,9%, enquanto a de enfermaria está em 27,7% Foto: Stephane Mahe - 20.mar.2020/ Reuters

Giovanna Bronzeda CNN

em São Paulo

Ouvir notícia

Apenas nesta quinta-feira (6), o estado de São Paulo registrou 839 novas hospitalizações por Covid-19 ou por suspeita da doença.

O número é o maior contabilizado desde 21 de agosto de 2021, quando o total foi de 859.

Os dados são da Secretaria de Estado de Saúde, disponibilizados na plataforma sobre o coronavírus do Sistema Estadual de Análise de Dados (Seade).

Com o avanço da vacinação, a queda de internações ocorreu de maneira constante desde junho do ano passado. As novas internações voltaram a crescer na segunda quinzena de dezembro de 2021 e seguem em janeiro deste ano.

Apenas do dia 1º ao dia 6, este mês contabilizou o total de 3.656, com a média de 609 novas internações por dia. Já no mesmo período em dezembro de 2021, foram 1.701 hospitalizações, com a média de 283,5 por dia – ou seja, ocorreu aumento de 114% nas novas internações.

Segundo dados atualizados nesta quinta, a taxa de ocupação de leitos de UTI no estado está em 28,9%, enquanto a de enfermaria está em 27,7%.

Já o índice na região metropolitana de São Paulo está em 35,9% nos leitos de UTI e de 37,9% nos de enfermaria.

Confira orientações do Ministério da Saúde diante do diagnóstico de Covid-19:

Mais Recentes da CNN