Vacinação contra Covid-19 traz desafio inédito para o país, diz Carla Domingues

No CNN Nosso Mundo, a epidemiologista falou sobre os próximos passos da vacinação contra a Covid-19 no Brasil

Da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

O CNN Nosso Mundo desta sexta-feira (22) entrevistou a epidemiologista e coordenadora do Programa Nacional de Imunizações (PNI) do Ministério da Saúde de 2011 até 2019, Carla Domingues, que falou no programa de hoje sobre a situação da pandemia no país e os próximos passos da vacinação contra a Covid-19.

Ao falar sobre os desafios da vacinação em massa no país, Carla ressaltou que apesar da perícia do país em planos nacionais de vacinação, a imunização contra a Covid-19 apresenta desafio inédito. Pela primeira vez, será ministrada em escala nacional uma vacina para adultos, que demanda duas doses em um curto período.

“O PNI tem grande expertise. Todos os anos conseguem vacinar 80 milhões de brasileiros em 2 a 3 meses. Na vacinação da Covid-19, temos o desafio de utilizar duas doses. A maioria das vacinas para adultos não tem prazo tão curto para a segunda dose, então a população adulta só estará protegida tomando as duas doses. “

Desafios da vacinação

Carla Domingues falou sobre a logística necessária para organizar a vacinação no Brasil e afirmou que a distribuição de vacina, sem comunicação, não é suficiente para a imunização efetiva da população.

“Precisamos ter uma comunicação mais adequada do Ministério da Saúde orientando a população sobre como ela deve se cadastrar para se vacinar e até agora não temos essa ação de comunicação. Quando chegar a vacinação para toda a população, como faremos isso? Como as pessoas serão convocadas? Como serão registradas?”

A epidemiologista também ressaltou que, apesar do início da vacinação no Brasil, medidas não-farmacológicas, como o uso de máscaras e a higienização das mãos, não devem ser deixadas de lado. “A vacinação é uma ação complementar e não substitui medidas não farmacológicas. Vamos ter que manter estas medidas por muito tempo.”

Sobre a produção de vacinas no Brasil, Carla lembra que, apesar de o país ter dois laboratórios de referência, nenhuma vacina é produzida totalmente com produtos nacionais, fruto da falta de investimento em pesquisa no país.

“Todas as vacinas que produzimos são via acordos de transferência de tecnologia. Não temos nenhuma vacina produzida nacionalmente porque o Brasil investe muito pouco em pesquisa e desenvolvimento. Se queremos entrar na linha de ponta como a China e a Índia, precisamos investir em pesquisa, senão ficaremos sempre dependentes do mercado internacional.”

Ela é entrevistada por Thais Herédia, Rita Wu e Débora Freitas, e quem comanda a atração é Luciana Barreto. O CNN Nosso Mundo é exibido às sextas-feiras, a partir das 22h30.

A CNN está no canal 577 nas operadoras Claro/Net, Sky e Vivo. Para outras operadoras, veja aqui como assistir à CNN. O programa também pode ser assistido ao vivo no site da CNN Brasil.

CNN Nosso Mundo com a epidemiologista Carla Domingues (21.jan.2021)
CNN Nosso Mundo com a epidemiologista Carla Domingues (21.jan.2021)
Foto: CNN Brasil

 

Mais Recentes da CNN