Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Vacinas da Pfizer poderão ser armazenadas em freezers comuns por duas semanas

    A vacina é uma das mais restritivas do mundo, pois só pode ser armazenada em ultrarefrigeradores para manter o maior tempo de conservação

    Amanda Sealy da CNN

    Ouvir notícia

    A Pfizer-BioNTech afirmou ter enviado novos dados à Food and Drug Administration (FDA) dos EUA para mostrar que sua vacina contra a Covid-19 pode ser armazenada em temperaturas mais altas.

    Em um comunicado à imprensa nestaa sexta-feira(19), a Pfizer disse que os novos dados demonstram que sua vacina pode ser estável quando armazenada entre -25ºC e -15ºC por duas semanas – a temperatura de refrigeradores e freezers mais comuns.

    Atualmente, o rótulo da vacina da Pfizer / BioNTech diz que ela deve ser armazenada em freezers de ultracongelamente, entre – 80ºC e – 60ºC, com duração de até seis meses, ou pode ser armazenada em temperaturas normais de refrigeração (2 graus Celsius a 8 graus Celsius) por até cinco dias, antes de misturar com um diluente salino.

     

    Com esta apresentação, a empresa espera que os EUA sejam autorizados a incluir essas opções de armazenamento em refrigeradores comuns por até duas semanas.

     “Agradecemos nossa colaboração contínua com o FDA e o CDC (Controle de Doenças Contagiosas) enquanto trabalhamos para garantir que a vacina possa ser enviada e armazenada em condições cada vez mais flexíveis. Se aprovada, esta nova opção de armazenamento ofereceria às farmácias e centros de vacinação maior flexibilidade na forma como gerenciam seu fornecimento de vacina ”, disse o CEO da Pfizer, Albert Bourla, no comunicado da empresa.

    (Texto traduzido. Clique aqui para ler a versão em inglês)

    Mais Recentes da CNN