‘Vai ter paciente no corredor’, diz secretário de Saúde de São Paulo

Jean Gorinchteyn disse que aumento de internações provocará superlotação nos hospitais, mas atendimento será feito

Murilo Henrique Santana,

da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

O secretário de Saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn, disse nesta sexta-feira (5) que a superlotação dos hospitais no estado por conta do aumento de casos de Covid-19 fará com que pacientes tenham que ser atendidos nos corredores. 

“Nós vamos continuar abrindo leitos e vagas dentro dos hospitais. Abriremos em qualquer local desses hospitais: seja nos anfiteatros, seja nos laboratórios e seja nos corredores. ‘Ah, paciente no corredor?’ Vai ter paciente no corredor. O que nós não queremos é paciente desassistido. Nós vamos dar oxigênio, ampliar a distribuição de respiradores, como nós já temos feito”, afirmou.

Taxas de ocupação de leitos de UTI aumentam no Brasil devido à Covid-19
Taxas de ocupação de leitos de UTI aumentam no Brasil devido à Covid-19 (28.fev.2021)
Foto: Reprodução / CNN

“Infelizmente nós temos a elevação do número de ocupações nos leitos de UTI, mas guardem essa informação: a cada dois minutos, 3 pacientes no estado são internados, seja numa UTI ou enfermaria”, relata. “E nas UTIs são cerca de 130 novas admissões por dia, fazendo com que tenhamos necessidades das medidas que estamos implantando.”

Mais Recentes da CNN