Entenda o que é a Fastly e qual é seu papel na queda dos sites nesta terça-feira

Inúmeros sites e aplicativos em todo o mundo ficaram fora do ar depois que uma grande rede de distribuição de conteúdo relatou uma falha generalizada

da CNN
08 de junho de 2021 às 09:09 | Atualizado 09 de junho de 2021 às 00:23
player-mask
player-img

 

Inúmeros sites e aplicativos em todo o mundo enfrentaram uma paralisação nesta terça-feira (8) depois que a Fastly, uma grande rede de distribuição de conteúdo, relatou uma falha generalizada.

A rede Fastly ajuda a melhorar o tempo de carregamento das páginas da internet e fornece outros serviços para sites, aplicativos e plataformas da Internet – incluindo uma grande rede de servidores global.

Sites de grandes veículos de imprensa, de governo, e de outros serviços de web ficaram fora do ar na manhã desta terça-feira (8) em diversos lugares do mundo. No Reino Unido, o portal do governo (gov.uk) chegou a ser afetado. Agora, no entanto, o serviço está reestabelecido e os sites afetados, disponíveis.

As páginas da CNN, do Financial Times, do New York Times e da Bloomberg chegaram a ficar fora do ar.

O serviço começou a ser reestabelecido pouco depois das 8h, mas o Fastly disse que alguns clientes poderiam enfrentar tempos de carregamento maiores como efeito residual dessa falha. 

A empresa disse ter identificado uma configuração que ativou erros em servidores de todo o mundo, mas que já a desativou.

As interrupções no carregamento de sites e aplicativos acontecem de vez em quando e, normalmente, não duram muito – provedores de serviços de Internet, redes de entrega de conteúdo e outros serviços de hospedagem são criados com várias redundâncias e uma rede global de servidores de backup projetada para reduzir interrupções quando as coisas dão errado.

No entanto, como o Fastly oferece uma camada de apoio entre os sites e os clientes que tentam acessá-lo, quando ele cai, o acesso pode ser bloqueado inteiramente.

Algumas empresas conseguem trocar as redes de entrega de conteúdo, e algumas delas pareceram não ser afetadas pela falha no Fastly. No entanto, esse não é um processo rápido ou fácil.

O Fastly hospeda e dá suporte a sites de notícias e aplicativos como CNN, The Guardian, New York Times e muitos outros. A rede também entrega de conteúdo para Twitch, Pinterest, HBO Max, Hulu, Reddit, Spotify e outros serviços. A plataforma de compras da Amazon foi outra que enfrentou a paralisação.

Diversos sites ficaram fora do ar nesta terça-feira (8)
Diversos sites ficaram fora do ar nesta terça-feira (8)
Foto: Reprodução

Em agosto de 2020, o CenturyLink, um provedor de serviços de internet que mantém o funcionamento de vários sites, ficou fora do ar por quase um dia inteiro. Cloudfare, Hulu, PlayStation Network, Xbox Live, Feedly, Discord e dezenas de outros endereços tiveram problemas de conectividade.

(Texto traduzido, leia o original em inglês)

Tela inicial do Fastly, rede de distribuição de conteúdo de grandes sites
Tela inicial do Fastly, rede de distribuição de conteúdo de grandes sites, que apresentou falhas nesta manhã
Foto: Reprodução/Fastly (8.junho.2021)