Nasa faz manutenção do telescópio Hubble após falha em computador dos anos 1980

Problema com o computador relacionado à carga útil do sistema foi identificado no domingo (13), quando as operações foram interrompidas

O Telescópio Espacial Hubble foi implantado em 25 de abril de 1990 a partir do ônibus espacial Discovery
O Telescópio Espacial Hubble foi implantado em 25 de abril de 1990 a partir do ônibus espacial Discovery Foto: NASA/Smithsonian Institution/Lockheed Corporation

Lucas Rocha, da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

A Nasa, agência espacial norte-americana, realiza a manutenção do Telescópio Espacial Hubble para resolver uma falha no computador relacionado à carga útil do sistema. As atividades foram interrompidas no domingo (13). Na segunda-feira (14), a equipe reiniciou o computador, mas o problema permaneceu.

A equipe então investiga se a deterioração de um módulo de memória pode ser a causa da pane. Os testes incluem a mudança para um dos vários módulos de backup, para que o computador possa funcionar por um dia e checar se o problema foi resolvido. Haverá, então, a reinicialização de todos os instrumentos científicos para retomada do telescópio às operações normais.

De acordo com a Nasa, o objetivo do computador de carga útil é controlar e coordenar os instrumentos científicos a bordo da espaçonave. Após a interrupção no domingo, o computador principal parou de receber um sinal de “mantenha vivo”, que é um indicador padrão entre a carga e os computadores principais das espaçonaves para indicar que está tudo bem. Automaticamente, o computador principal colocou todos os instrumentos científicos em uma configuração de modo de segurança.

O computador de carga útil é um sistema construído na década de 1980. O sistema faz parte do módulo de comando de instrumentos científicos e manipulação de dados, que foi substituído durante a última missão de astronautas para manutenção em 2009.

Mais Recentes da CNN