Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Prazo para enviar seu nome à Lua de Júpiter está acabando; veja como fazer

    Nasa está promovendo a campanha “Mensagem na garrafa” e permite que qualquer um assine seu nome junto a um poema

    Superfície de Europa, uma das luas de Júpiter
    Superfície de Europa, uma das luas de Júpiter Foto: NASA/JPL-Caltech/SETI Institute

    Da CNN

    O prazo para as pessoas assinarem seus nomes junto ao poema que será enviado para Europa, a lua congelada de Júpiter, está acabando.

    A Nasa anunciou que o prazo da campanha termina às 23h59 do dia 31 de dezembro. Até o momento, cerca de 700 mil nomes foram submetidos.

    A campanha “Mensagem na garrafa” permite que qualquer um assine seu nome junto ao poema escrito pela poetisa americana Ada Limón. O poema está gravado na espaçonave robótica Europa Clipper da Nasa, e os nomes dos participantes serão gravados em microchips na espaçonave.

    Depois que todos os nomes forem reunidos, os técnicos do Laboratório de Microdispositivos do Laboratório de Propulsão a Jato da NASA usarão um feixe de elétrons para gravá-los em um microchip de silício do tamanho de uma moeda de dez centavos.

    Cada linha de texto tem menos de um milésimo (1/1000) da largura de um fio de cabelo humano (75 nanômetros).

    Campanha “Mensagem na Garrafa”

    Clique aqui para incluir seu nome na espaçonave.

    A campanha “Mensagem na Garrafa” oferece a todos a oportunidade de ter seu nome estampado em um microchip com a frase junto ao poema de Ada Limón. O chip viajará a bordo da espaçonave Europa Clipper da Nasa para Júpiter e sua lua Europa. / NASA/JPL-Caltech

    A missão viajará quase 3 bilhões de quilômetros até o sistema de Júpiter. A Europa Clipper está programada para ser lançada do Centro Espacial Kennedy da Nasa em outubro de 2024 e chegar na órbita de Júpiter até 2030.

    Ao longo de vários anos, dezenas de sobrevoos serão realizados na lua congelada de Júpiter, Europa, reunindo medições detalhadas para determinar se a lua tem condições adequadas para a vida.

    A ideia de mandar uma “mensagem na garrafa” é uma campanha na qual colaboram a Nasa, o Poet Laureate dos EUA e a Biblioteca do Congresso dos EUA.

    Um poema para Europa

    A água é o elemento que aproxima nosso planeta e a lua de Júpiter, Europa.

    Os cientistas da Nasa têm fortes evidências de que a Europa tem um oceano interno sob sua camada externa de gelo, um enorme corpo de água salgada girando em torno do interior rochoso da lua.

    Segundo o site da Nasa, o poema de Limón conecta os dois mundos aquáticos — a Terra, ansiosa para alcançar e entender o que torna um mundo habitável, e a Europa, esperando com segredos ainda a serem explorados.

    Confira uma tradução do poema de Ada Limón:

    Elogio ao Mistério: Um Poema para Europa

    Arqueando sob o céu noturno cheio
    de expansividade negra, apontamos
    para os planetas que conhecemos, nós

    pregamos desejos rápidos em estrelas. Da terra,
    lemos o céu como se fosse um livro infalível
    do universo, experiente e evidente.

    Ainda assim, existem mistérios abaixo do nosso céu:
    o canto da baleia, o pássaro cantante cantando
    seu chamado no galho de uma árvore sacudida pelo vento.

    Somos criaturas de admiração constante,
    curiosas pela beleza, pelas folhas e flores,
    pela dor e pelo prazer, pelo sol e pela sombra.

    E não é a escuridão que nos une,
    nem a fria distância do espaço, mas
    a oferenda de água, cada gota de chuva,

    cada riacho, cada pulso, cada veia.
    Ó segunda lua, nós também somos feitos
    de água, de mares vastos e convidativos.

    Nós também somos feitos de maravilhas, de
    amores grandiosos e comuns, de pequenos mundos invisíveis,
    de uma necessidade de clamar na escuridão.

    Veja também: Nasa divulga imagem de estrela “recém-nascida”

    *Publicado por Iasmin Paiva, com informações de Fernanda Pinotti, da CNN