Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Telescópio Hubble registra “bolha” azul ao redor de estrela

    Nebulosa de Wolf-Rayet é formada por compostos ejetados por estrelas e se expande rapidamente pelo espaço

    A estrela da imagem eventualmente morrerá em uma explosão de supernova, mas seu material sustentará a formação de novos astros e planetas
    A estrela da imagem eventualmente morrerá em uma explosão de supernova, mas seu material sustentará a formação de novos astros e planetas ESA/Hubble & NASA

    Giovana Christda CNN

    A Nasa (Agência Espacial dos Estados Unidos) divulgou nesta segunda-feira (22) uma imagem feita pelo Telescópio Hubble que mostra uma “bolha” azul em volta de uma estrela. De acordo com a publicação, se trata de uma formação de nome “Nebulosa de Wolf-Rayet“.

    Ela é formada pela interação de ventos estelares e camadas de Hidrogênio expelidas por astros “Wolf-Rayet”, como o vista no centro da imagem. Neste registro, os astrônomos conseguiram estimar que essa “bolha” se expande a cerca de 220 mil quilômetros por hora.

    A legenda da publicação feita pela Nasa diz que “Esta estrela eventualmente morrerá em uma explosão de supernova, mas o material estelar ejetado continuará a nutrir uma nova geração de estrelas e planetas”.

    O que é uma nebulosa?

    É uma nuvem gigante de poeira cósmica e gás que está localizada no espaço. Ela pode ser formada em uma explosão de astros que morrem ou de uma supernova — uma detonação estelar poderosa. Também pode ser o nome de uma região de alta atividade de formação de estrelas, um “berçário de estrelas”.