Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    China libera teste de sistema autônomo nível 3 para BYD e mais 9 montadoras

    Apesar da Tesla não estar na lista, empresa de Elon Musk deve se beneficiar da liberação, já que pretende lançar frota de táxis autônomos no país

    BYD Sea Lion 07
    BYD Sea Lion 07 Divulgação/BYD

    João Vitor Ferreiracolaboração para a CNN

    A China deu o primeiro passo para autorizar o uso de sistemas de condução autônoma de nível 3. Depois de definir, oito meses atrás, as diretrizes para os testes e abrir inscrições para as montadoras interessadas em testar a tecnologia, o país agora deu sinal verde para 10 montadoras iniciarem os testes da tecnologia em vias públicas.

    As empresas que tiveram o aval do governo chinês foram Nio, BYD, Changan Auto, GAC, SAIC, BAIC BluePark, China FAW Group, SAIC Hongyan e Yutong Bus. Todas elas poderão realizar experimentos em vias restritas, e os motoristas poderão tirar totalmente as mãos do volante.

    O programa será supervisionado pelo Ministério da Indústria e Tecnologia da Informação da China, pelo Ministério dos Transportes, pelo Ministério da Habitação e Desenvolvimento Urbano-Rural e pelo Ministério da Segurança Pública.

    Essa é a principal vantagem do nível 3 em relação ao nível 2 de condução autônoma. Em vias pré-mapeadas pelo sistema, o computador do carro assume total controle da direção, permitindo que o motorista tire as mãos do volante e realize outras tarefas, como por exemplo, usar o celular.

    O sistema, no entanto, funciona apenas em velocidades de até 65 km/h e pode solicitar que o motorista retome o controle do veículo a qualquer momento, caso haja algum imprevisto na rota ou condição climática adversa.

    Tesla Model 3
    A Tesla deve se beneficiar da liberação do governo chinês para lançar seu robotaxi / Divulgação/Tesla

    Atualmente, apenas a Mercedes-Benz conseguiu uma certificação governamental para vender carros com nível 3 de condução autônoma. Mas isso no estado de Nevada, nos Estados Unidos.

    A Tesla, que também diz ter chegado ao nível 3 com seu sistema Autopilot, ainda não recebeu o aval de nenhum órgão governamental. Mas a empresa de Elon Musk também deve tirar proveito dessa liberação na China.

    Em maio, o CEO da Tesla indicou que gostaria de lançar na China uma frota de táxis autônomos (robotaxi), que utilizam a tecnologia Full Self Driving da montadora americana, e o governo se posicionou de maneira positiva à ideia.

    Mas a Tesla ainda precisa da permissão do governo para coletar e transmitir os dados necessários para o funcionamento pleno do Auto Pilot de nível 3. Recentemente, a montadora conseguiu permissão para que os Model 3 e Model Y circulassem em determinadas partes da China onde antes estavam proibidos.

    Isso só foi possível após uma das principais associações automotivas da China dizer que eles cumprem os regulamentos de segurança de dados.