Preço de notebook dispara com dólar alto e demanda por home office

Reportagem do Valor Econômico com dados da FGV mostra que os preços têm a maior alta em 7 anos

Fernando Nakagawa
Por Fernando Nakagawa, CNN  
21 de julho de 2020 às 07:15 | Atualizado 21 de julho de 2020 às 07:34
Capa do podcast Abertura de Mercado
Foto: CNN Brasil

Um levantamento feito pela plataforma Zoom a pedido do CNN Business mostra que o preço médio dos 10 notebooks mais populares do país subiu 13,7% entre maio e julho. Além disso, fabricantes têm registrado aumento de dois dígitos nas vendas e a indústria já espera terminar o ano com crescimento no segmento.

No episódio de hoje:

- O avanço das pesquisas sobre uma vacina contra o coronavírus animou o mercado financeiro na segunda-feira (20);
- Primeiro, a vacina desenvolvida pela Universidade de Oxford se mostrou segura e produziu imunidade em voluntários;
- Depois, os laboratórios Pfizer e BioNTech anunciaram que testes realizados na Alemanha também obtiveram resultados positivos;
- Na China, outra esperança. A vacina em desenvolvimento pela Cansino Biologics e pelas Forças Armadas do país também tem registrado bons resultados;
- Com três possíveis curas avançando, os investidores ganharam ânimo durante o dia;
- A Bolsa de São Paulo fechou em alta de 1,49%, aos 104.420 pontos e o dólar caiu 0,75%, a R$ 5,34;
- Na mardrugada desta terça (21), líderes da UE chegaram a um acordo para criar um mega fundo para ajudar a economia europeia a sair da crise;
- Serão € 750 bilhões para o pós-pandemia, para ajudar Estados mais frágeis e possivelmente emprestar ao mercado de capitais;
- Reportagem do jornal Valor Econômico mostra que o Cade reagiu com preocupação à oferta conjunta de Vivo, Claro e Tim pelos negócios de telefonia móvel da Oi;
- Se concretizada, essa operação vai acabar com um concorrente e o Brasil passará a ter três grandes operadoras de celular;
- Apesar disso, há tendência de aprovação do negócio pelo órgão, com exigência de várias condições;
- Com a possibilidade de venda, as ações da Oi saltaram 8,84%, a R$ 1,60;
- Tim ON avançou 6,13% e Vivo PN ganhou 5,99%. Na bolsa mexicana, as ações da América Móvil, dona da Claro, também subiram 3,14%;
- O período de quarentena inflacionou o mercado de notebooks;
- Reportagem do Valor Econômico com dados da FGV mostra que os preços têm a maior alta em 7 anos;
- Os dois principais motivos são a disparada do dólar e o aumento da demanda, por conta do home office; - Um levantamento feito pela plataforma Zoom a pedido do CNN Business confirma o fenômeno e mostra que o preço médio dos 10 notebooks mais populares do país subiu 13,7% entre maio e julho;
- Além disso, alguns fabricantes têm registrado aumento de dois dígitos nas vendas e a indústria espera terminar o ano com crescimento no segmento;
- A XP anunciou ontem o lançamento de um cartão de crédito;
- Primeiro, mil funcionários e agentes autônomos terão o produto, que deve ser oferecido aos clientes no último trimestre de 2020;
- O cartão não tem anuidade e não dará milhas, mas terá um sistema que devolverá um percentual das compras em investimentos em fundos;
- Com isso, as ações da empresa listadas na Nasdaq fecharam o dia em alta de 4,70%, a US$ 44,59;
- Montadora francesa Renault anunciou que terminou o primeiro semestre com 59,9 mil carros vendidos no Brasil;
- O volume foi 47% menor que o registrado um ano antes;
-Via Varejo subiu 7,35% com tuíte apagado sobre vendas online;
- AGENDA: Governo prometeu apresentar o projeto para reforma tributária nesta terça às 14h30.

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook