Netflix testa modo aleatório para quem não consegue decidir o que assistir


Frank Pallotta, do CNN Business, em Nova York
22 de agosto de 2020 às 07:00 | Atualizado 25 de agosto de 2020 às 13:10

Você é daqueles que fica navegando sem parar na Netflix tentando encontrar algo para assistir? Saiba que não está sozinho – e a empresa de streaming pode ter encontrado uma solução para esse incômodo.

A Netflix confirmou que está testando um botão de reprodução aleatória, ou shuffle, que permitirá que os espectadores selecionem um filme ou programa de TV ao acaso.

O botão, que pode aparecer abaixo do perfil de um usuário e na tela inicial, fará uma seleção com base no histórico de exibição, preferências e listas de reprodução. A empresa começou a testar o recurso em julho. O site TechCrunch foi o primeiro a relatar o novo botão.

Leia também:
Disney+ chega ao país em 17 de novembro; entenda o impacto para a Netflix
Netflix vê 'efeito pandemia' perder força e fica atento ao avanço do TikTok

Netflix logo

Figuras de brinquedo aparecem em frente ao logotipo da Netflix: base de assinantes da gigante do streaming teve alta com quarentena (19.mar.2020)

Foto: Dado Ruvic/Reuters

O recurso de reprodução aleatória pode ser especialmente útil para quem fica ansioso com a escolha ou está simplesmente entediado. Ele também ajuda a Netflix a distinguir seu serviço de uma lista crescente de concorrentes.

“Estamos sempre procurando maneiras melhores de conectar nossos membros com programas e filmes que eles vão adorar”, disse um porta-voz da Netflix. “Fizemos esses testes em diferentes países e por diferentes períodos – e só os tornaremos amplamente disponíveis se as pessoas os acharem úteis”.

Outros serviços tentaram descobrir como tornar suas bibliotecas de streaming mais acessíveis aos consumidores. 

Um exemplo é a HBO Max, o novo serviço da WarnerMedia, que destacou a personalização, anunciando que seu mecanismo de recomendação seria melhor do que o da concorrência. (A WarnerMedia também é a empresa-mãe da CNN.)

Peacock, o novo serviço da NBCUniversal, tem uma biblioteca completa de programas e filmes e, além disso, disponibiliza canais que reproduzem conteúdo aleatório 24 horas por dia, da mesma forma que a TV tradicional.

Quanto à Netflix, a empresa está encerrando um trimestre forte, no qual adicionou 10 milhões de assinantes. Esse número superou suas próprias expectativas.

O serviço agora tem cerca de 193 milhões de membros em todo o mundo.

(Texto traduzido, clique aqui para ler o original em inglês).

Clique aqui para acessar a página do CNN Business no Facebook