Consequências são catastróficas, diz associação de lojistas sobre lockdown

Fechamento do comércio pode piorar cenário econômico se medidas se prolongarem por muito tempo, avalia o chefe da Associação Brasileira de Lojistas de Shopping

Produzido por Jorge Fernando Rodrigues

Da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

O fechamento do comércio pode piorar a situação econômica se as medidas restritivas se prolongarem por muito tempo, avalia o presidente da Associação Brasileira de Lojistas de Shopping (Alshop), Nabil Sahyoun, em entrevista à CNN.

“As consequências são catastróficas. Teremos mais fechamento de lojas, mais gente desempregada. O que nos preocupa é que, nesses 30 dias que se passaram, percebemos que nosso lockdown foi chamado de meia boca e não surtiu efeitos”, disse.

 

A entidade sugere um rodízio na abertura, fechando atividades que funcionaram até agora, mas não seriam essenciais. “Isso permitiria que o comércio saia da UTI, porque a situação é desesperadora. Os prejuízos serão incalculáveis se tivermos que permanecer fechados”, prevê. 

“Todas as exigências sanitárias atendemos. Os shoppings hoje são os lugares mais seguros para fazer compras, funcionando com 40% da capacidade. A sociedade sabe que esses lugares são seguros”, afirma.

Sahyoun citou também os prejuízos do setor com a pandemia em 2020. “Perdemos no ano passado 140 mil empregos, 13.200 lojas fecharam só no estado de São Paulo, com uma perda de 38% no faturamento em relação ao ano anterior”.

Mais Recentes da CNN