Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Caio Junqueira: governo deve apostar em medidas fiscais graduais, e não drásticas

    Presidente busca evitar choques que afetem camadas mais pobres da população

    Da CNN

    O presidente Luiz Inácio Lula da Silva apresentou um conjunto de medidas econômicas que sinalizam uma abordagem gradual e de baixo impacto para a população mais vulnerável, disse o analista de política da CNN, Caio Junqueira.

    No momento, o governo parece priorizar a articulação política em detrimento de reformas econômicas mais agressivas.

    “O que o Lula fez hoje é um movimento muito mais político do que econômico”, comentou em participação no WW desta segunda-feira (17).

    Entre as propostas anunciadas, destacam-se a revisão do Benefício de Prestação Continuada (BPC) e a reavaliação de outros benefícios sociais. No entanto, não se esperam medidas drásticas que impactem diretamente os segmentos mais pobres da população.

    O governo também sinalizou que levará em consideração as propostas apresentadas pelo Congresso Nacional na semana passada. Essa articulação sugere uma abordagem gradual e coordenada entre os poderes para implementar reformas econômicas.

    Embora os detalhes das medidas ainda não tenham sido divulgados, a expectativa é de que o governo priorize ações de baixo impacto econômico imediato, evitando choques que possam afetar negativamente os setores mais vulneráveis da sociedade.