Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Saiba quem é o CEO que ganhou R$ 39 bilhões em um único dia

    Bilionário taiwanês viu sua fortuna pessoal passar de US$ 77 bilhões no início de abril para US$ 91 bilhões

    CEO da Nvidia, Jensen Huang, são um dos momentos mais aguardados da GTC
    CEO da Nvidia, Jensen Huang, são um dos momentos mais aguardados da GTC Reprodução/X

    Da CNN

    O bilionário taiwanês Jensen Huang, de 61 anos, cofundador e presidente da Nvidia, viu sua fortuna pessoal passar de US$ 77 bilhões no início de abril para US$ 91 bilhões nesta sexta-feira (24) segundo dados da revista Forbes.

    Com isso, Huang saltou do posto de 20.ª pessoa mais rica do mundo para a 17.ª posição.

    Pelos cálculos de outro índice que lista os bilionários, da Bloomberg, US$ 7,65 bilhões (ou cerca de R$ 39 bilhões) foram ganhos por Huang na quinta-feira passada, um dia após a Nvidia divulgar seu balanço.

    Na véspera, antes da divulgação dos resultados, a companhia valia US$ 2,35 trilhões, e viu essa cifra saltar para US$ 2,55 trilhões no fechamento do mercado, o que a colocou como a terceira empresa mais valiosa da Bolsa americana, atrás apenas da Apple e da Microsoft.

    Huang está à frente da Nvidia desde o início, atuando como cofundador, CEO, presidente e membro do conselho. Ele possui cerca de 3% da empresa.

    O líder tecnológico nascido em Taiwan estudou na Oregon State University e na Stanford University antes de trabalhar na empresa concorrente de chips LSI Logic e na Advanced Micro Devices (AMD) e, em seguida, lançar a Nvidia com Chris Malachowsky e Curtis Priem.

    Malachowsky continua na Nvidia, enquanto Priem deixou a empresa no início dos anos 2000.

    Empresa surfa na Inteligência Artificial

    A Nvidia é fundamental para o crescente espaço da Inteligência Artificial (IA). A fabricante americana de chips é responsável por cerca de 70% das vendas de semicondutores de IA no mundo.

    Criada em 1993, a Nvidia passou a desenvolver chips de processamento de vídeo (ou GPUs) para computadores e videogames. Essa tecnologia tornou-se essencial para processar vídeos pesados na indústria de games (abastecendo consoles como Xbox e PlayStation) e indispensável em supercomputadores.

    Mais recentemente, com as GPUs (unidades de processamento central, que executam tarefas sequencialmente e com mais consumo de energia), esses chips evoluíram para abastecer as máquinas que rodam as redes neurais que turbinam a inteligência artificial (IA), fazendo da Nvidia uma gigante entre as bigtechs.

    A lista da Forbes, que calcula em tempo real a fortuna dos bilionários ao redor do planeta, mostrou ainda que o empresário francês Bernard Arnault perdeu US$ 28 bilhões.

    Em abril, o dono da holding que engloba a Louis Vuitton e a Sephora tinha US$ 233 bilhões, cifra que caiu a US$ 205,3 bilhões nesta sexta.

    Apesar disso, ele permanece em primeiro na lista da Forbes.

    Outros dois nomes do topo da lista, Elon Musk e Jeff Bezos, respectivamente no segundo e terceiro lugares, também viram suas fortunas crescerem. A de Bezos passou de US$ 194 bilhões para US$ 199,5 bilhões, ultrapassando Musk e ficando em segundo lugar.

    Já o dono da Tesla e do X, ex-Twitter, saltou de US$ 195 bilhões para US$ 197,1 bilhões.

    *Com informações do Estadão Conteúdo