Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Atlas/CNN: Nunes tem metade dos eleitores de Tarcísio e Bolsonaro; Marçal, um quarto

    Levantamento ouviu 2.220 moradores da capital paulista entre 10 e 11 de junho; margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos

    Henrique Sales Barrosda CNN São Paulo

    Pré-candidato à reeleição, o prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB), abarca cerca de metade das intenções de voto dos paulistanos que votaram em Tarcísio de Freitas (Republicanos), para governador, e Jair Bolsonaro (PL), para presidente, respectivamente no primeiro e no segundo turno das eleições de 2022.

    Os dados são de pesquisa AtlasIntel divulgada nesta quarta-feira (19) e produzida em parceria com a CNN.

    Nunes recebe 51,5% das intenções de voto de eleitores de Tarcísio. Já de Bolsonaro, o prefeito paulistano tem 53,5%.

    Na sequência da preferência entre eleitores do governador Tarcísio e do ex-presidente Bolsonaro, aparece o empresário Pablo Marçal (PRTB), com cerca de um quarto das intenções de voto nos dois grupos.

    Marçal tem 25,6% das intenções de voto entre eleitores de Tarcísio. Já entre os que votaram em Bolsonaro em 2022, o empresário tem a preferência de 26,9%.

    Apoio de Bolsonaro

    Nunes conta com o apoio de Bolsonaro e Tarcísio na eleição municipal, em aliança que deve valer a indicação de um vice avalizado por ambos.

    No início desta semana, os três se reuniram, em São Paulo, junto ao coronel da reserva da Polícia Militar Ricardo Mello de Araújo, indicado por Bolsonaro para a chapa.

    Já Marçal se reuniu com Bolsonaro no início do mês e chegou a emitir declarações sobre buscar apoio do ex-presidente para sua empreitada.

    Após o encontro com Nunes, Tarcísio, Mello, porém, Bolsonaro afirmou que continua “fechado” com o prefeito.

    “Continuo fechado com o Ricardo Nunes. Meu nome, espero que seja usado para os candidatos do meu partido ou dos partidos aliados que estejam nos apoiando”, disse.

    Sobre a pesquisa

    A pesquisa Atlas/CNN foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número SP-00609/2024.

    Para o levantamento, foram entrevistados 2.220 eleitores paulistanos, por meio de Recrutamento Digital Aleatório (Atlas RDR), entre os dias 10 e 11 de junho.

    A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. Já o nível de confiança é de 95%.