Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Índice CNN: qual é o peso da polarização nas eleições de 2024?

    Levantamento do Ipespe Analítica mostra que pré-candidatos às prefeituras pouco citam Lula e Bolsonaro, indicando eleições mais focadas em pautas locais

    Iuri Pittada CNNManoela Carluccida CNN* São Paulo

    Dentre os 71 perfis de pré-candidatos ao redor das 26 capitais brasileiras analisados pelo Ipespe Analítica, Cuiabá é aquela em que seus pré-candidatos mais mencionam o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ou o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), conforme mostrou o Índice CNN desta semana, exibido na última quarta-feira (24).

    Os resultados mostram que, em média, apenas uma a cada 20 postagens citam Lula ou Bolsonaro.

    Cidades como Cuiabá, Manaus e Rio de Janeiro apresentaram maior incidência de menções aos dois políticos enquanto em outras, como Curitiba, Maceió e João Pessoa, não houve nenhuma referência.

    Para o cientista político Antônio Lavareda, esses dados sinalizam que, até o momento, não existem indicativos de que as eleições municipais serão fortemente polarizadas entre os apoiadores de Lula e Bolsonaro.

    O que se revela nesse levantamento é que temas como a rua, o município, questões identitárias e que tenham a ver com costumes ocupam muito mais espaço do que Lula ou Bolsonaro nesse momento de pré-campanha nas redes. Podemos aguardar eleições disputadas, principalmente, em torno das temáticas locais

    Antônio Lavareda

    Peso da avaliação

    Outro fator relevante, conforme destacou Lavareda, será a avaliação dos atuais prefeitos. Aqueles que têm um bom desempenho têm mais chances de reeleição enquanto os mal avaliados enfrentarão uma disputa mais acirrada com os candidatos da oposição.

    Sobre o papel de Lula e Bolsonaro nas eleições municipais que acontecem no final deste ano, ele avalia que a probabilidade é a de que apenas no segundo turno os dois tenham maior papel de associação com os candidatos em disputa.

    “As lideranças políticas nacionais sempre tiveram importância e desempenharam papel nas eleições municipais, mas um papel secundário, e é o que novamente vamos assistir sobretudo no primeiro turno”, disse Lavareda. “No segundo turno, a associação com Lula e Bolsonaro vai ser mais nítida”.

    O Brasil viveu uma eleição presidencial dois anos atrás e saiu divido, mas ao nível dos municípios essa divisão não necessariamente corresponde ao agregado nacional

    Antônio Lavareda

    Mais citados

    O levantamento do Ipespe Analítica também identificou quais partidos têm sido mais citados pelos pré-candidatos, com destaque para o PSDB (56%), seguido por siglas como PSB (27%), PSOL (14%), PSD (13%) e PT (13%).

    Isso pode indicar a importância de reforçar a vinculação dos pré-candidatos com suas legendas, especialmente para aqueles que mudaram de partido na janela partidária de abril.