Produção de 'Animais Fantásticos' é interrompida após caso positivo de Covid-19

Comunicado diz que filmagens retornarão de acordo com as "diretrizes de segurança"

Reuters
04 de fevereiro de 2021 às 09:42
Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald'
Newt Scamander (Eddie Redmayne) em cena de 'Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald'
Foto: Warner Bros/Divulgação

A produção do terceiro filme "Animais Fantásticos" foi interrompida depois que um membro da equipe testou positivo para a Covid-19, disse a Warner Bros. Pictures na quinta-feira (4)

A franquia, um desdobramento dos livros e filmes "Harry Potter", é estrelada pelo vencedor do Oscar Eddie Redmayne como o "magizoologista" Newt Scamander.

As filmagens começaram em setembro no Warner Bros. Studios em Leavesden, nos arredores de Londres, depois que a pandemia atrasou seu início em março de 2020, de acordo com o The Hollywood Reporter.

 

"Um membro da equipe do Animais Fantásticos 3 testou positivo para a Covid-19. O diagnóstico foi confirmado como resultado de testes exigidos e contínuos que todos os funcionários da produção recebem, e o membro da equipe está atualmente em isolamento", um porta-voz da Warner Bros. disse em um comunicado.

"Por precaução, o Fantastic Beasts 3 interrompeu a produção e estará de volta de acordo com as diretrizes de segurança." O comunicado não deu mais detalhes.

Os filmes "Animais Fantásticos" se passam cerca de 70 anos antes de "Harry Potter" e incluem versões mais jovens dos personagens da autora JK Rowling, como Alvo Dumbledore, interpretado por Jude Law.

O próximo filme, com lançamento previsto para julho de 2022, também mostra Madds Mikkelson assumindo o papel do malvado mago Gellert Grindelwald, originalmente interpretado por Johnny Depp.

Depp deixou a franquia no final do ano passado, depois de perder um processo por difamação contra um tablóide britânico que o rotulou de "espancador de mulheres".