Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Anitta é indicada ao prêmio de artista revelação no Grammy 2023

    Nesse ano, a artista chegou pela primeira vez ao Top1 Global do Spotify pela música "Envolver"

    Anitta se apresenta no primeiro final de semana do Coachella, no palco principal do festival californiano.
    Anitta se apresenta no primeiro final de semana do Coachella, no palco principal do festival californiano. Kevin Mazur/Getty Images for Coachella

    Marcello Sapioda CNN

    A cantora brasileira Anitta foi nomeada, nesta terça-feira (15) para a categoria de “Best New Artist” (artista revelação, em tradução livre) no Grammy 2023. É a primeira vez que um artista brasileiro concorre nesta categoria.

    Anitta explodiu mundialmente com o hit “Envolver”, que alcançou o Top1 Global do Spotify, feito que também era inédito para brasileiros. A premiação ocorre no dia 5 de fevereiro.

    É a 22ª indicação brasileira para o maior prêmio da música. As últimas aconteceram em 2020 nas categorias Melhor Arranjo Instrumental com Acompanhamento de Voz, com Diego Figueiredo, e Melhor Álbum de Jazz Latino, com “Sorte!”, de Thalma de Freitas, porém ambos não ganharam.

    Anitta concorre junto com Omar Apollo, Domi &JD Beck, Muni Long, Samara Joy, Latto, Tobe Nwigwe, Molly Tuttle, Wet Leg e a banda de rock italiana Maneskin.

    A última vez em que um artista brasileiro ganhou um Grammy foi em 2017, com Eliane Elias na categoria Melhor Álbum de Jazz Latino, com “Dance of Time”.

    Beyoncé, Adele e Harry Styles dominam indicações

    A estrela pop Beyoncé liderou o grupo de músicos indicados ao Grammy, marcando um confronto com Adele, Harry Styles e outros pelo prêmio máximo de álbum do ano.

    Beyoncé recebeu nove indicações para as maiores honras da música. Isso elevou sua carreira total para 88, empatando-a com o marido Jay-Z como a artista mais indicada na história do Grammy.

    Seu álbum “Renaissance” concorrerá ao álbum do ano com “30” de Adele, “Harry’s House” de Harry Styles, “Special” de Lizzo e outros.

    O rapper Kendrick Lamar, também concorrendo a álbum do ano por “Mr. Morale & The Big Steppers”, recebeu oito indicações no total, seguido por Adele e a cantora e compositora Brandi Carlile com sete cada.

    *Com informações de Reuters