Cannes: festival estende tapete vermelho e recebe público para 75ª edição

Julianne Moore, Rebecca Hall e Deepika Padukone estão entre as estrelas que desfilaram pelo red carpet durante a cerimônia de abertura

Membros do júri do 75º Festival de Cinema de Cannes durante cerimônia de abertura do festival
Membros do júri do 75º Festival de Cinema de Cannes durante cerimônia de abertura do festival 17/05/2022 REUTERS/Eric Gaillard

Mimosa Spencerda Reuters

Ouvir notícia

O Festival de Cannes estendeu o tapete vermelho nesta terça-feira (17) para receber estrelas do cinema, público e curiosos na 75ª edição do evento, levando o frênesi e o glamour de volta à cidade do Mediterrâneo.

“Estou simplesmente radiante”, disse o presidente do júri do festival, Vincent Lindon, durante uma entrevista coletiva lotada, ao lado de membros do júri: atores e diretores como Rebecca Hall, Noomi Rapace, Deepika Padukone, Jeff Nichols e Asghar Farhadi.

O maior festival de cinema do mundo será realizado entre 17 e 28 de maio, de volta ao seu calendário tradicional após dois anos atrapalhado pela pandemia, e marca o retorno das festas e das esperanças da indústria de que motivará o retorno do público aos cinemas.

“Não acredite no hype. As pessoas estão dizendo que está morrendo. Não acredito nisso nem por um segundo”, disse o membro do júri, Joachim Trier, referindo-se ao cinema, que ele elogiou como uma “forma de arte radiante, progressista e maravilhosa”.

A atriz Julianne Moore no red carpet do Festival de Cannes 2022 / WireImage

O diretor dinamarquês-norueguês mencionou que o festival serviu de plataforma para a carreira do seu avô, Erik Lochen, que teve um filme na disputa em 1960. Ajudou a levar “um novo diretor desconhecido de um pequeno país no norte da Europa aos holofotes”, disse Trier.

O festival abriu nesta terça com a exibição do filme de zumbis de Michel Hazanavicius, “Final Cut”, e também terá pesos-pesados como “Top Gun: Maverick”, de Tom Cruiselevando Cruise ao festival pela primeira vez em 30 anos – e a cinebiografia de Elvis Presley do diretor Baz Luhrmann.

Mais Recentes da CNN