Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    #CNNPop

    Jennifer Aniston diz a jornal já ter usado sêmen de salmão para parecer mais jovem

    CNN conversou com biomédica estética para entender a eficácia do tratamento, bastante atual no mercado da beleza

    Nicoly Bastoscolaboração para a CNN

    São Paulo

    A atriz Jennifer Aniston, de 54 anos, estrela de “Friends” já revelou realizar procedimentos estéticos para auxiliar no rejuvenescimento da pele. Recentemente a artista revelou sua ter utilizado sêmen de salmão em uma tentativa de se rejuvenescer.

    De acordo com o “The Wall Street Journal”, a ariz disse que vai “tentar quase tudo” para parecer mais jovem, incluindo um tratamento com o ingrediente inusitado. Ao jornal, a atriz contou que a ideia foi dada por um profissional de estética e que ela ficou bem surpresa com a sugestão.

    “Primeiro de tudo, eu disse ‘Você está falando sério’? Como se consegue esperma de salmão?”, relatou Jennifer Aniston. Apesar do choque, o tratamento foi aplicado, mas a estrela não sabe dizer se realmente deu resultado, já que realiza outros procedimentos, como a injeção de peptídeos (moléculas de aminoácidos).

    “Acho que isso é o futuro”, disse a atriz após admitir que injeta semanalmente e que isso é realmente eficaz para seu anti-envelhecimento. O tratamento é responsável por ajudar a aumentar a renovação celular e a produção de colágeno e elastina, segundo o jornal.

    Entenda tratamento

    Adriana Lima, biomédica estética, afirmou à CNN que o tratamento com sêmen de salmão é atual e que gera bons resultados. A técnica surgiu na Coréia do Sul e tem feito sucesso internacional. O chamado PDRN, ou polidesoxirribonucleotídeo, é uma substância formada de micropartículas de DNA extraídos dos espermatozoides do salmão, é ele que faz tudo acontecer.

    Segundo a profissional, ele é responsável por realizar a regeneração da célula e pode ser utilizado para tratar melasmas, marcas de acne, queimaduras, linhas de expressão, rejuvenescimento da pele, ajudar em inflamações e até mesmo retardar o envelhecimento.

    “O processo de regeneração de células do corpo humano é possível pela compatibilidade do DNA do salmão com o DNA do corpo humano”, afirma Adriana Lima, que estuda sobre o uso do sêmen como procedimento estético.

    “Ele age no nosso corpo como se fosse um hospital para as células, as fortalecendo e fazendo elas se reproduzirem. É um produto muito inteligente, você injeta e ele entra em ação rapidamente”.

    A biomédica ressalta que apesar de uma boa eficácia, o produto é novo no mercado da beleza, principalmente o brasileiro, e só pode ser indicado por bons profissionais da área da estética. Cada sessão pode custar entre R$ 600 e R$ 1 mil.