Kate Winslet insistiu para ‘barriguinha saliente’ não ser editada em série

Estrela de "Titanic" tem falado frequentemente sobre as pressões que as atrizes sofrem para manterem certa aparência

Kate Winslet em 'Mare of Easttown' da HBO
Kate Winslet em 'Mare of Easttown' da HBO Foto: Michele K. Short/HBO

Rob Picheta, da CNN

Ouvir notícia

Kate Winslet disse que rejeitou um pôster promocional retocado e insistiu para que sua “barriga saliente” não fosse editada em uma cena de sexo para a série de TV “Mare of Easttown”.

A atriz britânica afirmou ao “New York Times” que o diretor da série disse que removeria uma cena que sua barriga aparece durante a gravação da minissérie da HBO, e Winslet respondeu: “Não ouse!”

Winslet também disse que rejeitou um pôster da série duas vezes após perceber que sua pele havia sido retocada, argumentando que o público se relaciona mais fortemente com personagens que parecem reais.

“Eles falavam algo como: ‘Kate, sério, você não pode’, e eu dizia: ‘Gente, eu sei quantas linhas eu tenho ao lado do meu olho, por favor, coloque todas de volta'”, disse ela na entrevista.

A série, na qual Winslet interpreta um detetive de uma pequena cidade investigando um assassinato, foi calorosamente recebida e exibiu seu episódio final no último domingo. 

A atriz vencedora do Oscar disse ao jornal que os telespectadores estão “famintos” por programas que retratam corpos femininos com precisão. Ela sugeriu que as pessoas se conectaram com sua personagem em parte porque ela é “uma mulher totalmente funcional e imperfeita, com um corpo e um rosto que se movem de uma forma que é sinônimo de sua idade e de sua vida e de onde ela vem”.

Winslet, de 45 anos, foi indicada a sete Oscars, vencendo uma vez em 2009 por seu papel em “O Leitor”.

A estrela de “Titanic” tem falado frequentemente sobre as pressões que as atrizes passam para manterem uma certa aparência ao longo de suas carreiras, depois que sua ascensão ao estrelato na década de 1990 gerou repetidas discussões sobre seu peso na mídia.

Em 2003, a revista britânica GQ se desculpou por retocar as fotos de Winslet depois que ela disse que não havia aprovado as mudanças. E em 2008 ela contou à Vanity Fair sobre seus primeiros anos como atriz: “Eu era gorda. Não conhecia nenhuma atriz gorda e famosa. Simplesmente não me via naquele mundo, e estou sendo muito sincera.”

(Texto traduzido, leia original em inglês aqui

Tópicos

Mais Recentes da CNN