Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    #CNNPop

    Violão de John Lennon avaliado em mais de 4 milhões será leiloado

    Instrumento foi usado para gravar o álbum "Help!", lançado pelos Beatles em 1965

    Violão que já foi de John Lennon foi encontrado abandonado em um sótão
    Violão que já foi de John Lennon foi encontrado abandonado em um sótão Reuters

    Da Reuters

    Um violão de 12 cordas, anteriormente perdido, que pertencia ao falecido John Lennon, será colocado à venda em um leilão em maio, após ter sido recentemente encontrado no sótão de uma casa na Grã-Bretanha.

    Os leiloeiros do leilão Music Icons lançado na terça-feira (23) disseram que o violão, que deve exceder sua estimativa de US$ 600 mil (cerca de R$ 3 milhões) a US$ 800 mil (R$ 4 milhões), foi usada para gravar o álbum “Help!”, de 1965, dos Beatles.

    O instrumento foi redescoberto depois que os leiloeiros receberam uma ligação de um filho dos atuais proprietários, após ele encontrar o instrumento caído no sótão durante uma mudança de casa.

    Os fundadores da Julien’s Auctions, com sede nos EUA, disseram que viajaram para a Grã-Bretanha para verificar o violão e encontraram a caixa original, uma caixa de violão Maton de fabricação australiana, no lixo.

    Martin Nolan, diretor-executivo e cofundador da Julien’s Auctions, disse à Reuters que os proprietários sabiam que tinham o instrumento em determinado momento, mas pensaram que ele havia sido perdido.

    Acredita-se que a violão tenha acabado em suas mãos após uma pequena cadeia de propriedade que envolveu Lennon e os músicos britânicos Peter Asher e Gordon Waller, membros da dupla pop dos anos 1960 Peter and Gordon.

    “Gordon ganhou de presente de John Lennon, depois Gordon deu para road manager, e foi aí que a violão permaneceu por todos esses anos”, disse Nolan.

    O violão será leiloada no dia 29 de maio no Hard Rock Cafe de Nova York e no site do leiloeiro.

    Marca de luxo Daslu é arrematada por R$ 10 milhões em leilão disputado

    No início deste ano, um baixo Hofner roubado pertencente a Paul McCartney foi encontrado e devolvido ao colega Beatle após 51 anos de uma caçada global.

    Instrumentos musicais pertencentes a membros proeminentes dos Beatles alcançaram um preço elevado em leilões anteriores.

    Em 2015, um violão roubado de Lennon na década de 1960 foi vendida por US$ 2,41 milhões (cerca de R$ 12 milhões) em um leilão na Califórnia.

    O violão de 12 cordas estará em exibição no Hard RockCafe Piccadilly Circus até o final de abril.

    O leilão de maio também inclui recordações dos falecidos cantores Amy Winehouse, Tina Turner e Michael Jackson, bem como dos roqueiros Adam Clayton do U2 e Freddie Mercury do Queen.

    Com produção de Will Russell e Lisa Giles-Keddie