Memphis Grizzlies vence jogo por 73 pontos e bate recorde na NBA

Time do Tennessee acertou mais de 60% de seus arremessos e derrotou o Oklahoma City Thunder por 152 x 79

Jaren Jackson Jr., o cestinha da partida
Jaren Jackson Jr., o cestinha da partida Reuters

Henrique Andradeda CNN

São Paulo

Ouvir notícia

Em uma noite de recordes, o Memphis Grizzlies derrotou o Oklahoma City Thunder por 152 x 79 em casa na noite desta quinta-feira (2), a maior margem de vitória na história de 75 anos da NBA (Associação de Basquete Nacional, em inglês).

Faltando 3 minutos para o fim do jogo o time de Memphis chegou aos 145 pontos, recorde de pontos em uma partida para a franquia, e abriu 78 pontos de vantagem. O Thunder ainda lutou no fim e conseguiu reduzir o estrago, mas longe do suficiente.

A margem da partida de hoje supera os 68 pontos de diferença registrados em 1991, quando o Cleveland Cavaliers derrotou o Miami Heat por 148 x 80.

Os Grizzlies estavam sem seu principal jogador, o armador Ja Morant, e utlizaram 12 jogadores ao todo. Nove destes marcaram de dez pontos, com destaque para o cestinha Jaren Jackson Jr., que anotou 27.

O time de Memphis abriu 12 x 8 nos primeiros cinco minutos do jogo e não precisou mais se preocupar com a vantagem. No intervalo, os grizzlies já tinham marcado 72 pontos, o dobro do Thunder.

Jogando em casa, a equipe ainda venceu os dois últimos quartos por 15 e 22 pontos, respectivamente. “Nos sentimos motivados todas as noitas. Mas hoje foi uma total exibião ofensiva e defensiva”, destacou o técnico Taylor Jenkins.

Mais Recentes da CNN